Instagram/@britneyspears
Instagram/@britneyspears

Britney Spears anuncia que não fará mais shows sob tutela do pai

James Spears tem controle sobre atividades financeiras e pessoais da cantora desde 2008; filha quer reverter decisão na Justiça

Jill Serjeant , Reuters

18 de julho de 2021 | 12h10

Britney Spears disse no sábado, 17, que não vai se apresentar novamente enquanto seu pai mantiver o controle sobre a sua carreira, e disse que a tutela sob a qual vive ao longo dos últimos 13 anos "destruiu os seus sonhos".

Suas observações, feitas em uma longa postagem no Instagram, são as mais recentes de uma série de emocionados comentários públicos sobre a tutela que controla seus assuntos financeiros e pessoais e da qual ela tem implorado para que chegue ao fim.

"Não vou me apresentar em quaisquer palcos em breve nos quais meu pai decida o que eu vou vestir, dizer, fazer ou pensar", escreveu a cantora de Piece of Me.

"Eu prefiro compartilhar vídeos da minha sala de estar, sim, em vez de em um palco de Las Vegas... Eu não vou colocar maquiagem pesada e tentar, tentar, tentar no palco de novo e não ser capaz de conseguir o que importa com os remixes das minhas músicas por anos", acrescentou.

O pai da popstar, James Spears, tem o controle exclusivo da fortuna de US$ 60 milhões de sua filha sob uma tutela conquistada na Justiça em 2008. 

Britney, 39, que tem problemas de saúde mental não revelados, não se apresenta em público desde 2018, no fim de uma turnê mundial e de shows em Las Vegas. Nesta semana, ela nomeou um novo advogado para representá-la em sua tentativa de encerrar a tutela, chamando-a de abusiva.

"Essa tutela destruiu os meus sonhos... Então tudo que eu tenho é esperança e esperança é a única coisa nesse mundo que é muito difícil de destruir", escreveu no sábado.

"Eu não gostei da forma como os documentários trouxeram à tona momentos humilhantes do passado... Eu já superei aquilo e tudo já passou há muito tempo", disse.

Um dos documentários, Framing Britney Spears, trouxe mais atenção à tutela e incentivou o público a declarar apoio a Britney Spears. Ele foi indicado a dois prêmios Emmy nesta semana. 

Britney e seu advogato têm que preencher um pedido formal pelo fim da tutela. A próxima audiência perante a corte está marcada para 29 de setembro em Los Angeles.

 

Tudo o que sabemos sobre:
Britney Spears

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.