Divulgação
Divulgação

Bourbon Street traz os ares de New Orleans para São Paulo

Festival da casa de jazz e blues de Moema abre neste domingo, no Parque do Ibirapuera, sua 13ª edição

O Estado de S.Paulo

23 de agosto de 2015 | 05h00

Um dos festivais de cultura norte-americana mais representativo no País faz hoje sua abertura no Parque do Ibirapuera. A 13ª edição do Bourbon Street Fest começa sua temporada com uma sequência de nomes que mantêm a tradição do evento. Os shows, que serão realizados na Arena de Eventos, próximo ao Museu Afro Brasil, começam às 15:30 com a Orleans Street Jazz Band e seguem até às 19h, quando sobem ao palco o eletrizante acordeonista Dwayne Dopsie com sua The Zydeco Hellraisers. Eles misturam instrumentos do zydeco, uma expressão dançante de influência francesa, com elementos do blues para fazer uma apresentação entusiasmada. Antes deles, às 16h, o espaço será de Leon “Kid Chocolate” Brown & 504 Experience e depois, às 17h30, chega o guitarrista de 75 anos, cativo no grande festival New Orleans Jazz & Heritage Festival há 42 anos, Little Freddie King.

Entre os dias 25 e 29, os shows serão realizados no próprio Bourbon Street, a partir das 21h. A programação de terça inclui de novo Little Freddie King e Dwayne Dopsie, com discotecagem de DJ Crizz nos intervalos. Na quarta-feira, dia 26, promete a performance do tradicionalista do trompete Leon “Kid Chocolate” Brown & 504 Experience, a partir das 21h. Considerado o sangue novo das ruas de New Orleans, o músico Kid Chocolate vai fazer uma homenagem a Louis Armstrong, eterno número um de New Orleans (há uma enorme estátua dele colocada já no aeroporto da cidade). E às 22h30, encerra a noite a deliciosa mistura de ritmos sulistas da Lost Bayou Ramblers, com cajun, folk e indie-rock. Irresistivelmente dançante.

A noite de quinta-feira tem sido uma das mais festejadas pela própria produção do evento. Ela abre com Little Freddie King e traz, às 23h, a gigante Galactic. Grupo de 20 anos que tem em sua formação nomes que precisam ser destacados – o guitarrista Jeff Raines, o baixista Robert Mercurio, o baterista Stanton Moore, o tecladista Rich Vogel, o trombonista Corey Henry e o saxofonista Ben Ellman – o Galactic leva o funk aos extremos. Sua música é cheia, vigorosa, pop, com metais de rua e sessão rítmica alucinante. Não é difícil encontrar nomes que gravem com eles por esses anos. O disco mais recente, que servirá de base para o show no País, é Into The Deep, com a faixa que dá nome ao álbum, uma balada, cantada por Macy Gray. Quem deve fazer seu papel no Brasil é a cantora Erica Falls, conhecida do público brasileiro por suas aparições por aqui com o grupo Nu Beginnings.

A semana segue e sexta, dia 28, será dia da Bourbon Street Jazz Quartet, seguida pela Lost Bayou Ramblers, e por Dwayne Dopsie & The Zydeco Hellraisers . O sábado repete a abertura com a Bourbon Quartet para depois recapitular os shows de Leon “Kid Chocolate” Brown & 504 Experience e de Dwayne. O domingo, dia 30, será o encerramento no Parque do Ibirapuera, grátis, com a escalação de Orleans Street Jazz Band, a Lost Bayou Ramblers, Dwayne Dopsie & The Zydeco Hellraisers e, às 19h, a Galactic. Os melhores da temporada.

A produção do festival, dirigida por Edgard Radesca, sócio do Bourbon Street, faz um trabalho de garimpo antes de definir as atrações de cada edição. Ele segue pessoalmente pelos bares da noite de New Orleans, como os da famosa Bourbon Street, para conhecer bandas e definir suas estratégias. O cardápio da casa, durante os dias de show, também vai lembrar a gastronomia típica do Sul dos Estados Unidos. Os pratos mais famosos, ligeiramente apimentados, são o jambalaia e o gumbo, com influências de culturas francesa, espanhola, africana e indígena, assinados aqui pelo chef Luís Fernando Sanguini.

Um workshop para os estudantes de música do Instituto Baccarelli, de Heliópolis, será feito no dia 26 pelos integrantes da Dwayne Dopsie & the Zydeco Hellraisers.

Tudo o que sabemos sobre:
Bourbon Street

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.