Bono canta Cielito Lindo em show no México

O grupo de rock irlandês U2 fez, ontem à noite, seu primeiro show desta turnê no México, onde cantou Cielito Lindo, música tradicional do país, e pediu justiça pela morte da cantora Kirsty Anne McColl, morta em 2000, em Cozumel.Quase 45 mil pessoas se reuniram no estado Tecnológico de Monterrey, no norte do México, para ver a primeira apresentação do grupo no país nos últimos oito anos, parte da turnê Vertigo.Entre um sucesso e outro, os fãs da banda irlandesa tiveram uma surpresa, ao ouvir os acordes de parte da canção mexicana Cielito Lindo, interpretada por Bono.Durante In The Name of Love, uma das músicas mais famosas da banda, no telão no meio do palco apareceu escrita a Declaração Universal dos Direitos dos Homens."As pessoas dizem que você não pode mudar o mundo, e é verdade; eu também não posso, mas poderemos se agirmos todos como um", disse Bono, em um momento do show.O U2 voltou para o palco duas vezes para o bis. Bono, The Edge, Larry Amaciam e Adam Clayton fecharam seu show depois de mais de duas horas com as músicas Yahweh e Vertigo, tocada pela segunda vez.

Agencia Estado,

13 de fevereiro de 2006 | 14h47

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.