NYT
NYT

Bob Dylan lança caixa com 43 álbuns

Cantor americano reuniu discos desde a década de 1960; box estará disponível a partir do dia 5 de novembro

EFE,

27 Setembro 2013 | 20h21

Quarenta anos após o lançamento de Dylan (1973), o disco será relançado na primeira parte de uma caixa que terá outros 41 álbuns do músico Bob Dylan. Batizada de Bob Dylan: The Complete Album Collection Vol. One, a caixa será lançada no dia 5 de novembro. Estão incluídos além de Dylan, outros 34 álbuns de estúdio, seis discos ao vivo, o CD duplo Side Tracks e um pequeno livro com notas sobre cada uma das obras do músico americano, com comentários do escritor inglês Clinton Heylin e introdução do autor americano Bill Flanagan.

A caixa está em fase de pré-venda no site da Amazon, por US$ 255,47 (R$ 577). Discos como The Freewheelin’Bob Dylan (1963), Bringing It All Back Home (1965), Highway 61 Revisited (1965) e Infidels (1983) estão no box. Dos 41 álbuns, 14 títulos foram remasterizados.

O duplo Side Tracks terá faixas lançadas por Dylan, mas que nunca fizeram parte de seus álbuns, e outras como Biograph, tema de filme. A discografia de Dylan e o livro estarão em um pendrive, em formato de gaita, que virá dentro da caixa. O catálogo traz canções do músico de 72 anos feitas desde a década de 1960.

Recentemente, Bob Dylan lançou a continuação da Bootleg Series. Another Self Portrait (1969-1971): The Bootleg Series Vol. 10 reúne canções do período de gravação dos álbuns Self Portrait (1970) and New Morning (1970). A série pode ser encontrada em duas versões: uma com 35 faixas inéditas, em dois CDs e um folheto, e outra com quatro CDs e dois livros.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.