Billy Bob Thorton lança CD e diz que filmes evitam sua falência

'Virar uma estrela de cinema foi um acidente', diz o ator ganhador do Oscar pelo roteiro de 'Na Corda Bamba'

Matthew Lewis, da Reuters,

10 de junho de 2008 | 11h24

Ele é um prestigiado ator e ganhador do Oscar pelo roteiro de Na Corda Bamba, mas o tempo todo Billy Bob Thornton gostaria de estar envolvido com seu primeiro amor: a música. A banda de Thornton, The Boxmasters, lança seu primeiro disco nesta terça-feira, 10. É um disco duplo - o primeiro tem músicas inéditas escritas por Billy Bob e o segundo, com regravações de bandas como Mott the Hoople, the Louvin Brothers, The Who e Chad e Jeremy. Thornton, chamado de W. B. "Camarada" Thornton nos créditos do encarte (em parte para distingui-lo do nome pelo qual ficou conhecido como ator), lançou quatro discos solo entre 2001 e 2007, mas é a última encarnação - como baterista, cantor e compositor dos Boxmasters - que ele acha que mais se aproxima de seu maior talento. "Sempre me comprometi com a música primeiro", disse ele à Reuters. "Virar uma estrela de cinema foi um acidente. Então é como se os filmes evitassem que eu fosse à falência entre um disco e outro." Billy Bob, 52, toca bateria desde os 9 anos e, quando jovem, circulou pelo ramo musical - no meio dos anos 1970, ele foi roadie da banda Nitty Gritty Dirt. Os outros membros do Boxmasters são J.D Andrew, que co-escreveu várias músicas, e Mike Butler, guitarrista. Thornton descreve a música da banda como "invasão caipira britânica". "Se você pegar os Beatles e os Stones e os Kinks e Dirt Band e Mike Nesmith e o Monkees, misturá-los com Buck Owens, Merle Haggard, Johnny Cash, Webb Pierce e Del Reeves, é isso que os Boxmasters são", disse Billy Bob. A banda pretende fazer uma turnê pelos Estados Unidos em breve, segundo o ator.

Tudo o que sabemos sobre:
Billy Bob Thorton

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.