REUTERS/Mario Anzuoni
REUTERS/Mario Anzuoni

Beyoncé lidera indicações para o Grammy 2021

Cantora recebeu nove indicações, à frente de Dua Lipa, Taylor Swift e Roddy Ricch, que foram indicados seis vezes cada

Agências, O Estado de S.Paulo

24 de novembro de 2020 | 15h51

LOS ANGELES - A cantora Beyoncé liderou as indicações para os prêmios Grammy 2021 nesta terça-feira, com nove nomeações, à frente de Dua Lipa, Taylor Swift e Roddy Ricch, que foram indicados seis vezes cada.

Swift e Dua Lipa vão competir pelo principal prêmio - álbum do ano - com Post Malone, Coldplay, Haim, Jacob Collier, Black Pumas e Jhene Aiko.

Os prêmios Grammy, maior honraria da indústria musical, serão entregues em uma cerimônia em Los Angeles em 31 de janeiro, que será apresentada por Trevor Noah.




 

Principais indicados aos prêmios Grammy de 2021

 

Álbum do ano 

  • Jhene Aiko, Chilombo
  • Black Pumas, Black Pumas (Deluxe Edition) 
  • Coldplay, Everyday Life
  • Jacob Collier, Djesse Vol. 3 
  • Haim, Women In Music Pt. III
  • Dua Lipa, Future Nostalgia
  • Post Malone, Hollywood's Bleeding
  • Taylor Swift, Folklore

 

Gravação do ano (melhor canção)

  • Beyoncé, Black Parade
  • Black Pumas, Colors 
  • DaBaby featuring Roddy Ricch, Rockstar 
  • Doja Cat, Say So
  • Billie Eilish, Everything I Wanted
  • Dua Lipa, Don't Start Now
  • Post Malone, Circles
  • Megan Thee Stallion com Beyoncé, Savage

 

Música do ano (composição)

  • Beyoncé, Denisia Andrews, Stephen Bray, Shawn Carter, Brittany Coney, Derek James Dixie, Akil King, Kim "Kaydence" Krysiuk e Rickie "Caso" Tice, Black Parade 
  • Roddy Ricch e Samuel Gloade, The Box
  • Taylor Swift e Aaron Dessner, Cardigan
  • Post Malone, Louis Bell, Adam Feeney, Kaan Gunesberk e Billy Walsh, Circles
  • Dua Lipa, Caroline Ailin, Ian Kirkpatrick, Dua Lipa e Emily Warren, Don't Start Now
  • Billie Eilish e Finneas O'Connell, Everything I Wanted 
  • HER, Dernst Emile II e Tiara Thomas, I Can't Breathe
  • Julia Michaels e JP Saxe, If The World Was Ending

 

Melhor artista revelação

  • Ingrid Andress
  • Phoebe Bridgers
  • Chika
  • Noah Cyrus
  • D Smoke
  • Doja Cat
  • Kaytranada
  • Megan Thee Stallion

 

Melhor vídeo musical

  • Beyoncé, Brown Skin Girl
  • Future, featuring Drake, Life Is Good
  • Anderson.Paak,

    Lockdown

  • Harry Styles, Adore You
  • Woodkid, Goliath

 

Melhor álbum de rap

  • D Smoke, Black Habits
  • Freddie Gibbs & The Alchemist, Alfredo
  • Jay Electronica, A Written Testimony
  • Nas, King's Disease
  • Royce Da 5'9", The Allegory

 

Melhor álbum de rock

  • Fontaines DC, A Hero's Death
  • Michael Kiwanuka, Kiwanuka
  • Grace Potter, Daylight
  • Sturgill Simpson, Sound & Fury
  • The Strokes, The New Abnormal

 

Melhor álbum de pop vocal

  • Justin Bieber, Changes
  • Lady Gaga, Chromatica
  • Dua Lipa, Future Nostalgia
  • Harry Styles, Fine Line
  • Taylor Swift, Folklore

 

Melhor álbum de música alternativa

  • Fiona Apple, Fetch the Bolt Cutters
  • Beck, Hyperspace
  • Phoebe Bridgers, Punisher
  • Brittany Howard, Jaime
  • Tame Impala, The Slow Rush

 

Melhor álbum de música mundial

  • Antibalas, Fu Chronicles
  • Burna Boy, Twice as Tall
  • Bebel Gilberto, Agora
  • Anoushka Shankar, Love Letters
  • Tinariwen, Amadjar

 

Melhor álbum pop latino

  • Bad Bunny, YHLQMDLG  
  • Camilo, Por primera vez  
  • Kany García, Mesa para dos  
  • Ricky Martin, Pausa  
  • Debi Nova, 3:33

 

Melhor álbum latino de rock, urbano ou alternativo

  • Bajofondo, Aura  
  • Cami, Monstruo
  • Cultura Profética, Sobrevolando 
  • Fito Páez, La conquista del espacio
  • Lido Pimienta, Mis Colombia


Com informações da AFP e Reuters

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.