Beyoncé domina Video Music Awards e Rihanna recebe prêmio em reconhecimento pela carreira

Apresentação de Beyoncé foi o grande destaque na cerimônia de entrega dos prêmios da MTV

Reuters

29 de agosto de 2016 | 10h04

NOVA YORK - A estrela norte-americana Beyoncé dominou a premiação MTV Video Music Awards (VMA) no domingo, 28, apresentando no palco um show de 15 minutos de seu poderoso álbum Lemonade e levando para casa oito estatuetas, incluindo o maior prêmio da noite: vídeo do ano.

Em uma cerimônia dominada pelas mulheres, Britney Spears voltou ao palco do VMA pela primeira vez em uma década, e Rihanna se apresentou quatro vezes para marcar seu prêmio em reconhecimento pela carreira.

Beyoncé fez todos os espectadores levantarem ao juntar cinco músicas de Lemonade que falam sobre traição, vingança e empoderamento feminino em uma apresentação única de música e dança que arrancou aplausos prolongados.

Veja a apresentação:

Os organizadores da premiação anunciaram somente três horas antes que Beyoncé iria se apresentar. A cantora chegou ao tapete vermelho acompanhada das mães de três jovens afro-americanos que foram mortos por policiais nos Estados Unidos nos últimos dois anos.

A música politicamente forte Formation bateu o single Hello, de Adele, além de Hotline Bling, do cantor Drake, Sorry, de Justin Bieber", e Famous, de Kanye West, na categoria vídeo do ano.

Ela também venceu nas categorias de melhor vídeo feminino e recebeu prêmios por coreografia, montagem e vídeos em formatos longos, categorias que são votadas pelos fãs.

Rihanna, de 28 anos, cantou 13 dos seus maiores sucessos em sua carreira de 13 anos, incluindo Rude Girl, Diamonds e Only Girl in the World.

O Fifht Harmony, grupo de cinco meninas que surgiu no programa de talentos The X Factor, recebeu dois prêmios "Astronauta".

Muitos dos grandes nomes da música pop, incluindo Justin Bieber, Adele e Taylor Swift, não participaram da cerimônia no domingo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.