Ayrton Vignola/ AE
Ayrton Vignola/ AE

Ben Harper escolhe 5 discos essenciais

Em sua segunda visita ao País, cantor mostrou influência da música brasileira desde a infância

Roberto Nascimento - O Estado de S. Paulo,

09 de dezembro de 2011 | 10h04

SÃO PAULO - Menestrel pop do blues sussurrado, Ben Harper volta ao Brasil pela segunda vez este ano com uma turnê que já passou por quatro cidades do País. O cantor se apresenta em São Paulo nesta sexta-feira, e termina a maratona no Rio de Janeiro, no dia 11 - ingressos à venda no site oficial.

A novidade entre as duas vindas do cantor ao País é Give Til It's Gone, o 11º álbum de uma carreira que completa 20 anos em 2012. Em entrevista, Ben Harper listou cinco álbuns que o influenciaram nesta jornada. Sem hesitar, ele aponta Bob Marley em primeiro lugar e mostra em seguida que a música brasileira sempre esteve presente em sua vida.

1 - Talking Blues - Bob Marley

"Acho que nasci para gostar disso, acho. A mesma razão que eu gosto de andar de skate. É o que eu gosto. Parece a coisa certa"

2-  Urban Hymn - The Verve

"É uma perspectiva única na música pop. Eles pegam canções que são essencialmente para voz e violão e traduzem isso para um contexto sinfônico. Você pode tocar Drugs Don't Work com um violão que terá a mesma força" 

3 - Flamenco on Fire - Sabicas

"É o Jimi Hendrix do flamenco"

4 - Vinicius & Odete Lara - Vinicius de Moraes

"Um disco que tínhamos em casa, com uma mulher na capa. Uma das minhas memórias mais antigas e de escutar uma música em uma língua diferente, mas sentir que entendi"

5 - Dark Was the Night - Blind Willie Johnson

"Você pode perguntar a qualquer um. Derek Trucks ou Ry Cooder. Ele é o melhor guitarrista de slide de todos os tempos"

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.