Reprodução
Reprodução

Baixista da banda de metal Slipknot é encontrado morto em quarto de hotel

Paul Gray tinha 38 anos; causa da morte é desconhecida e autópsia foi marcada para terça

Associated Press,

24 de maio de 2010 | 18h48

IOWA, EUA- Paul Gray, baixista da banda de metal Slipknot, foi encontrado morto em um quarto de hotel, segundo a polícia afirmou nesta segunda-feira, 24. 

 

De acordo com policiais, um empregado do hotel achou o músico de 38 anos morto em seu quarto no Town Plaza Hotel, em Urbandale, um subúrbio de Des Moines. A polícia está investigando a causa da morte.

 

O Escritório Médico do Condado de Polk agendou uma autópsia para terça. Testes para detectar a presença de substâncias tóxicas em seu organismo serão feitos.

 

A maioria dos membros da banda cresceu na região de Des Moines. Gray era um dos membros que estão com a banda desde o começo e um dos dois que não nasceram em Iowa.

 

O Slipknot é conhecido por suas máscaras grotescas, e seu primeiro álbum lançado em 1999, com o mesmo título do nome da banda, vendeu mais de um milhão de cópias.  A banda já ganhou sete Grammys, o último deles em 2006 pela melhor performance metal pela música Before I Forget.

 

O último álbum do Slipknot, All Hope Is Gone, foi lançado em 2008.

 

Gray já havia sido preso por portar drogas em junho de 2003, depois de bater com seu Porsche em outro carro na cidade de Des Moines.

 

A polícia então acusou Gray por possessão de maconha, cocaína e ultrapassagem de sinal vermelho. Depois, ele se declarou culpado por estar dirigindo sob efeito de drogas, e foi condenado a um ano de liberdade vigiada.

 

Com informações do jornal local Des Moines Register

Tudo o que sabemos sobre:
SlipknotmetalPaul Graybaixistahotel

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.