Backstreet Boys estão de volta e fazem show nesta 5ª

A boy band mais famosa faz única apresentação e promete cantar e dançar hits como 'I want it that way'

Livia Deodato, O Estado de S. Paulo

05 Março 2009 | 10h29

O cardápio dos (agora nem tão) meninos do Backstreet Boys, solicitado previamente à produção dos shows no Brasil, é bastante simples e não-alcoólico. Nick Carter, de 29 anos, Howie D., de 35, Brian Littrell, de 34, e A.J. McLean, de 31, não complicam os pedidos e parecem gostar de experimentar a culinária local: querem apenas que menus de "restaurantes de qualidade nas imediações dos locais onde os shows acontecem" estejam à disposição.   Para acompanhar os pratos, estão na lista Gatorades, sucos, chás e água. Ao que tudo indica, o quarteto quer manter bem longe a má lembrança do vício em drogas e álcool que já acometeu tanto A.J. quanto Nick Carter.   O único show que fazem hoje na capital paulista (sábado seguem para o Rio) ainda tem ingressos à venda, cujos valores vão de R$ 170 a R$ 350. A turnê do álbum Unbreakable (2007), que teve início em fevereiro do ano passado no Japão, vai contemplar os hits dos 16 anos de estrada do grupo, garantiu Brian Littrell em entrevista ao Estado publicada há duas semanas - Quit Playin’ Games (With My Heart) e I Want it That Way integram o show de quase duas horas com uma formação de baixo, guitarra, teclados e bateria, além de dançarinos e brincadeiras com o público.   "O Backstreet Boys foi capaz de criar memórias maravilhosas para pessoas do mundo inteiro. E é isso que vamos oferecer ao público: 1h50 de felicidade, em que todos vão se esquecer de seus problemas", disse Brian.

Mais conteúdo sobre:
Backstreet Boys

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.