Axl Rose vai parar em delegacia depois de briga na Suécia

Axl Rose, vocalista da banda de rock norte-americana Guns N´Roses, foi detido nesta terça-feira pela polícia após participar de uma briga no hotel de Estocolmo onde está hospedado durante sua visita à Suécia.Rose, que teve que ser algemado devido ao seu estado de excitação, foi levado à delegacia para ser interrogado.O cantor é acusado de ameaçar um garçom e de insultar a Polícia, segundo relatou um agente ao site do tablóide Aftonbladet.A Polícia não confirmou oficialmente a identidade do detido, mas a agência que negociou a turnê da banda pela Europa, a EMA Telstar, confirmou a prisão de Axl Rose. O Guns N´Roses tocará nesta quarta-feira em Oslo e na quinta-feira se apresentará no festival de Roskilde, na Dinamarca.A brigaApós o show da última segunda-feira à noite no Globen, um conhecido pavilhão da capital sueca, Rose foi para uma festa particular e depois continuou as celebrações no Berns Hotell.O dono do hotel, Joakim Olausson, disse ao Aftonbladet que por volta das 8 horas começou uma briga em que Rose interveio e, segundo o relato de outra testemunha, o roqueiro mordeu um guarda da segurança.O Guns N´Roses, uma das bandas de rock mais bem-sucedidas da década de 90, voltou aos palcos após anos de ausência, embora somente Axl Rose seja da formação original.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.