Astro da world music é preso em Paris

O músico congolês Papa Wemba foi preso em Paris sob suspeita de ligação com uma rede de documentação falsa para imigrantes ilegais na Europa. A informação foi dada pela polícia francesa, hoje. Wemba, cujo verdadeiro nome é Shoungu Wembadio Pene Kikoumba, foi detido na segunda-feira e deve ser logo indiciado. Papa Wemba, de 53 anos, é uma das lendas da world music e considerado o rei do rumba-rock. Nasceu no antigo Zaire e hoje tem cidadania belga. Sua obra combina ritmos africanos e caribenhos com influências européias e americanas. No sábado, deveria se apresentar na Bélgica.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.