AP Photo/Evan Agostini
AP Photo/Evan Agostini

Artistas lamentam a morte de Leonard Cohen

"Obrigado pelas noites tranquilas, a reflexão, a perspectiva, pelos sorrisos irônicos e pela verdade" disse o ator Russell Crowe.

EFE, O Estado de S. Paulo

11 de novembro de 2016 | 10h33

Estrelas da música e de Hollywood lamentaram em redes sociais morte do icônico artista canadense Leonard Cohen, que morreu nessa quinta-feira, aos 82 anos. "Isto é de partir o coração", disse o ator e músico porto-riquenho Lin-Manuel Miranda, que agradeuceu a Cohen por suas canções compartilhadas como Suzanne e Bird on a Wire.

"Eu não posso expressar em palavras o que significou Leonard Cohen na minha vida", disse o músico espanhol Enrique Bunbury, que expressou seu "profundo apreço" e "amor absoluto" pela figura do cantor e compositor.

A cantora canadense Alanis Morissette também lembrou de Leonard Cohen com um emoticon triste, enquanto o norte-americano Justin Timberlake destacou "o espírito e a alma incomparáveis" do falecido.

"Descanse em paz", publicaram outros artistas como a cantora Carole King e o guitarrista do Guns N 'Roses, Slash.

"Que triste notícia ... Grande Leonard Cohen morreu. Obrigado pelo que a tua música fez para a humanidade. Bondade, amor, beleza, poesia, "ele explicou, por sua vez, a cantora Regina Spektor.

A escritora J.K. Rowling, autora da saga Harry Potter, deixou uma mensagem, lembrando a letra de uma das músicas do compositor. "Existe uma brecha em tudo e é por aí que a luz entra".

Além disso, a Academia de Gravação da América lançado uma declaração sublinhando a influência de Cohen "para mais cinco décadas". A instituição também enfatizou que se tornou "um dos poetas mais pop reverenciado e uma referência para muitos cantores e compositores". Seu talento extraordinário teve um profundo impacto sobre inúmeros cantores e compositores ", acrescentou a Academia em nota. 

A atriz Ruby Rose lamentou: "Então perdemos Prince. Bowie. Leonard Cohen e elegemos Trump... Só estou dizendo que 2016 tem sido uma grande decepção..."

Da mesma forma, várias celebridades de Hollywood compartilhada em redes de tristeza social e pesar. "Oh, não, não agora, não posso chorar por América e por Leonard Cohen", disse o ator colombiano John Leguizamo em referência ao novo presidente dos EUA Donald Trump.

O cantor e compositor Elton John declarou em sua conta no Instragram: "Acordei com notícias mais tristes. Leonard Cohen era único - um gigante e um compositor brilhante. Insubstituível."

"Obrigado pelas noites tranquilas, a reflexão, a perspectiva, pelos sorrisos irônicos e pela verdade" disse o ator Russell Crowe.

"Oh, não! O melhor do melhor. Isso é horrível", disse ele atriz Mia Farrow, enquanto o ator Rob Lowe afirmou que havia experimentado a morte de "muitas lendas", mas nunca tinha visto "muitas citações" de trabalho para lamentar sua morte, em referindo-se aos inúmeros versos das canções e poemas que inundaram as redes sociais como homenagem.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.