Artistas gravarão clipe na França em apoio ao Haiti

'Un Geste Pour Haïti Chérie' é o título e mistura Aznavour, rap, reggae, R&B e a música das Antilhas

EFE,

15 de janeiro de 2010 | 19h42

Mais de 30 artistas, entre eles o popular cantor francês Charles Aznavour, gravarão um clipe para recolher fundos destinados a financiar a ajuda humanitária no Haiti.

 

A Trace TV, rede de televisão que organiza o projeto, anunciou nesta sexta, 15, esta iniciativa, em comunicado no qual afirma que o clipe será divulgado nessa emissora e também será colocado à disposição de outros canais.

 

Un Geste Pour Haïti Chérie é o título do vídeo no qual a música de Aznavour se misturará ao rap, reggae, R&B e a música das Antilhas.

 

O lucro será entregue à Cruz Vermelha e à Médicos Sem Fronteiras (MSF) para contribuir aos trabalhos de ajuda após o terremoto no Haiti.

 

O terremoto de 7 graus na escala Richter aconteceu às 19h53 de Brasília da terça-feira e teve epicentro a 15 quilômetros de Porto Príncipe, a capital do país. A Cruz Vermelha do Haiti estima que o número de mortos ficará entre 45 mil e 50 mil.

 

Na quarta-feira, o primeiro-ministro do país, Jean Max Bellerive, havia falado de "centenas de milhares" de mortos.

 

O Exército brasileiro confirmou que pelo menos 14 militares do país que participam da Minustah morreram em consequência do terremoto.

 

A brasileira Zilda Arns, fundadora e coordenadora da Pastoral da Criança, ligada à Igreja Católica, também morreu no tremor.

 

Diferente dos dados do Exército, o ministro da Defesa, Nelson Jobim, aumentou hoje o número de mortos para 17 - considerando as mortes de Luiz Carlos da Costa, funcionário da ONU, e de outro brasileiro que não identificou -, segundo informações da Agência Brasil.

Tudo o que sabemos sobre:
ArtistasHaiti

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.