REUTERS/Mario Anzuoni
REUTERS/Mario Anzuoni

Após fiasco no Grammy, Adele retoma liderança da parada Billboard

Terceiro disco de estúdio da cantora inglesa subiu da segunda colocação depois de vender mais 151 mil unidades

Piya Sinha-Roy, REUTERS

24 de fevereiro de 2016 | 08h50

Adele pode ter chorado o dia todo depois de sua apresentação no Grammy 2016, mas a cantora britânica reconquistou a liderança da Billboard 200, a principal parada semanal de discos, na segunda-feira, 22, à medida que a procura por seu álbum mais recente, o bem-sucedido 25, se manteve grande mesmo três meses após o lançamento.

O terceiro disco de estúdio de Adele subiu da segunda colocação depois de vender mais 151 mil unidades, contando disco, canção e acesso por streaming, de acordo com cifras da empresa de monitoramento Nielsen SoundScan. 25 vendeu um total de 8,3 milhões de cópias só nos Estados Unidos.       

O disco contém a canção All I Ask, que Adele interpretou na noite de 15 de fevereiro na premiação do Grammy, quando seu desempenho foi prejudicado por problemas técnicos – um microfone caiu sobre as cordas do piano e fez a cantora desafinar várias notas, o que não é comum.

Mais tarde na mesma semana, Adele cantou o mesmo número de forma impecável no talk show de Ellen DeGeneres e deu uma entrevista sincera na qual disse ter ficado "muito constrangida" e ter "chorado praticamente o dia inteiro" depois do Grammy.

::: Cultura Estadão nas redes sociais :::
:: Facebook ::

:: Twitter ::

Entre os outros artistas presentes à cerimônia que galgaram posições entre os dez mais da parada Billboard 200 está o pop star canadense Justin Bieber, que conquistou seu primeiro Grammy e subiu três degraus, chegando à segunda colocação, com o álbum Purpose.

O cantor country Chris Stapleton, que levou quatro Grammys, viu seu disco Traveller ir da 11a para a 5a posição; Beauty Behind the Madness, do astro de R&B The Weeknd, que recebeu dois Grammys, subiu seis posições e chegou ao sexto lugar; e Taylor Swift, que conquistou o cobiçado troféu de melhor disco do ano, viu seu 1989 ganhar 12 posições e ficar em oitavo lugar.

A única novidade entre os 10 mais populares da semana foi Hymns, da dupla de country Joey + Rory, que são marido e mulher, que chegou à quarta posição.

Na parada de canções digitais, que mede as vendas pela Internet, My House, de Flo Rida, manteve a primeira colocação pela segunda semana com 135 mil cópias vendidas.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
AdeleTaylor SwiftGrammy

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.