Reprodução
Reprodução

Após acidente com avião em Santiago, Iron Maiden mantém turnê

Banda se apresenta em Córdoba no domingo, 13, e depois continua a turnê em Buenos Aires e no Brasil

Redação, O Estado de S. Paulo

12 de março de 2016 | 21h54

"Estamos felizes em informar os nossos fãs de Córdoba que nossa tripulação resolveu todos os nossos problemas logísticos para que pudéssemos estar aí amanhã com nosso show completo", escreveu Rod, produtor da banda, neste sábado, 12, no Facebook. O Ed Force, avião que transporta o Iron Maiden, sofreu avarias enquando ainda estava em solo, no aeroporto Comodoro Arturo Merino Benitez, em Santiago. A banda, que tinha se apresentado na cidade para 58 mil pessoas, estava a caminho da Argentina, onde tinha shows programados para Córdoba e Buenos Aires.

Segundo informações da banda, a aeronave foi atracada a um veículo de reboque para ser reabastecida. Durante o transporte, o pino se soltou e a aeronave, que estava fazendo uma curva, colidiu com o reboque avariando gravemente a carenagem, dois dos motores e ferindo dois operadores do reboque, que foram hospitalizados. Os músicos e as 20 toneladas de equipamento não estavam no avião na hora do acidente.

Não são esperados cancelamentos na turnê. "Estamos procurando um substituto para o 747 Ed Force One enquanto nossa 'beleza' está sendo tratada. E acredite em nós: chegaremos até vocês, de um jeito ou de outro, onde quer que vocês estejam". De acordo com o produtor, os dois funcionários do aeroporto que se feriram, irão se recuperar. 

A banda é esperada no Brasil nos próximos dias para shows no Rio (17), Belo Horizonte (19), Brasília (22), Fortaleza (24) e São Paulo (26).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.