Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
James Stone
James Stone

Anitta se pronuncia sobre clipe gravado com Terry Richardson, acusado de assédio sexual

"Como mulher faço questão de reafirmar que repudio qualquer tipo de assédio e violência contra nós", diz a cantora em comunicado

Pedro Rocha, ESPECIAL PARA O ESTADO

22 de novembro de 2017 | 15h11

A cantora Anitta se pronunciou oficialmente nesta quarta-feira, 22, sobre o destino do seu próximo clipe, Vai, Malandra, gravado no Vidigal, no Rio de Janeiro, com direção do fotógrafo Terry Richardson

O diretor recebeu recentemente - após a gravação do clipe - acusações de assédio sexual. A modelo nova-iorquina Cameron Russell publicou um depoimento sobre o comportamento de Richardson no Instagram e convidou outras pessoas a relatar experiências parecidas. Cerca de 100 mulheres se manifestaram. Como consequencia, o grupo Condé Nast International vetou o fotógrado de realizar futuros trabalhos em suas publicações Vogue e Vanity Fair

+ Fotógrafo Terry Richardson é excluído de grandes revistas após acusação de assédio sexual

"Imediatamente após tomar conhecimento sobre as acusações de assédio que envolvem o diretor Terry Richardson solicitei que minha equipe avaliasse o contrato para verificar o que juridicamente poderia ser feito", diz Anitta em comunicado oficial. A cantora resolveu prosseguir com a divulgação do clipe. 

"Estudamos todas as possibilidades, que foram além das questões jurídicas, passando também pelo envolvimento emocional, levando em consideração o imenso trabalho digno de todos os artistas e colaboradores que de alguma maneira fizeram este clipe acontecer", continua a cantora. "Esse não é um trabalho de uma pessoa só."

Segundo Anitta, a manutenção do clipe para a data planejada, em dezembro deste ano, é em respeito à comunidade onde o vídeo foi gravado. "Manterei minha promessa aos moradores do Vidigal e aos meus fãs lançando o clipe de Vai, Malandra em dezembro deste ano." No clipe, Anitta promete mostrar suas origens e sobre o funk carioca, do qual ela se diz "orgulhar muito" de ser representante. 

Por fim, a cantora afirma repudiar qualquer forma de violência contra as mulheres. "Como mulher, faço questão de reafirmar que repudio qualquer tipo de assédio e violência contra nós e espero que todos os casos dessa natureza sejam sempre investigados com a relevância e seriedade que merecem."

Vai, Malandra vai ser a última música de Anitta a ser lançada este ano em seu projeto de divulgação internacional, Xeque-Mate. Depois de duas músicas em espanhol, Paradinha e Downtown (esta com J. Balvin), e de duas músicas em inglês, Will I See You e Is That For Me, a nova será em português, com versos em inglês do rapper Maejor. 

O clipe foi gravado antes de alguns já lançados. Em entrevista ao Estado, Anitta fala que a jogada foi proposital, para criar expectativa entre os fãs. "Foi estratégia."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.