Reprodução/Instagram
Reprodução/Instagram

Anitta lança música 'Girl from Rio' de olho no mercado internacional

Canção, baseada na própria vivência da cantora, é uma homenagem à Cidade Maravilhosa; música será liberada a partir das 19h desta quinta (29)

Ana Lourenço, O Estado de S.Paulo

29 de abril de 2021 | 14h28

O que não falta no catálogo da música popular brasileira, a famosa MPB, são músicas que falam sobre o Rio de Janeiro. Em 1962, Tom Jobim e Vinicius de Moraes já lançavam Garota de Ipanema. Anos depois, Gilberto Gil entoava a beleza da cidade em Aquele Abraço e Tim Maia falava sobre suas aventuras do Leme ao Pontal. Em 2021, Anitta continua a tradição e lança Girl from Rio,  de olho no mercado internacional.

"Garota de Ipanema é uma coisa que traz isso do Rio antigo, mas também traz o meu Rio de Janeiro, então a gente faz uma transição bem legal no clipe e na música, que é quando entra a batida, e vem o meu Rio. Então trazemos esses dois 'Rios', o da Bossa Nova, de Carmem Miranda e pontos turísticos e o da minha adolescência", explica ela sobre a música que foi inspirada no clássico de Tom Jobim e Vinicius de Moraes.

Por isso mesmo, a música que será lançada hoje, 29, às 19h, tem um estilo meio bossa nova, meio funk. É a quinta cantada totalmente na língua inglesa na carreira da cantora. Composta e produzida em conjunto com Stargate, RAYE e Gale, Girl From Rio fala sobre as belezas da cidade que vão muito além dos pontos turísticos. "É o Rio que vi e morei", afirma Anitta.

A música é uma das mais pessoais da cantora. Na letra, ela fala sobre sua família, incluindo a descoberta do irmão Felipe Terra em outubro de 2019, sua casa, seus vários amores, pessoas do dia a dia e a beleza das mulheres cariocas, sob o ponto de vista da cantora. Até mesmo os lugares escolhidos para o vídeo, como o Piscinão de Ramos, tem alguma relação com a vida pessoal de Anitta. Foi lá que o primeiro grande show gratuito dela, no réveillon de 2012. "É muito diferente voltar agora, o objetivo de voltar agora, sabe? E o clipe já está confirmado em várias emissoras americanas, então todo mundo daqui vai ver o Piscinão. Isso é muito legal", diz. 

O clipe será divulgado amanhã, 30, a partir das 10h30. De acordo com a artista, ele foi um dos mais caros da carreira dela e contou com a direção de Giovanni Bianco - também responsável pela direção criativa do álbum BANG (2015) e outros videoclipes da cantora. 

Anitta afirma estar vacinada

Ao ser questionada sobre como é estar em um local que está voltando ao normal pós pandemia, Anitta afirmou que divide sentimentos.  "É triste e feliz ao mesmo tempo. Aqui já está quase tudo normal. Estou vacinada, praticamente todo mundo que eu conheço está", disse ela lamentando a situação do Brasil.

Para aproveitar que está em Miami, onde vive temporariamente desde março, a cantora fará uma celebração de lançamento da música. "Será uma  exibição de arte com as fotos que eu tenho postado e outras exclusivas das gravações do clipe. Algo bem festa brasileira, com DJ brasileira e uma playlist toda escolhida por mim a dedo. Eu vou estar lá do início ao fim", contou ela em stories publicados na última terça, 27, no seu Instagram.

O evento, que tem previsão de durar quatro horas, será no The Goodtime Hotel, o novo hotel do empresário David Grutman e  do cantor Pharrell Williams. O local também foi um dos escolhidos como plano de fundo do novo clipe da cantora por combinar com o estilo 'antigo' do clipe - o qual fala sobre o Rio da década de 60 e teve inspiração fashion na série Ratched, da Netflix.

Girl From Rio também é o nome escolhido para o novo álbum internacional de Anitta, com produção de Ryan Tedder, que contará com mais duas faixas com mostras de músicas já consagradas no mundo, com previsão de lançamento em setembro deste ano.

"Ele é todo inglês e espanhol, porque nossa intenção é caminhar passo a passo para me introduzir aqui (nos Estados Unidos). Primeiro a gente vai acostumando a galera com um ritmo novo, por isso nao é um funk tão forte, para depois a gente colocar mais português e soltar o batidão", explica ela. 

De acordo com Anitta, apesar de a música Girl From Rio levar o nome do álbum, ela não é sua favorita. "Ela é a faixa-chave porque é um cartão de chegada, mas não é a música que eu acho mais legal. Tem uma que vem logo depois que eu acho enlouquecedora", revela.

O amor da cantora pela sua cidade e País não é uma surpresa. Além de sempre falar do Brasil em palestras, shows e parcerias internacionais, Girl From Rio não será o primeiro clipe de Anitta com a Cidade Maravilhosa de fundo. Em 2017, Vai Malandra teve o morro do Vidigal como cenário. Nele, a cantora abusava da sexualidade com biquínis de fita isolante, popularizados por Erika Bronze, a qual também participou do clipe, na laje de uma casa. 

Assim como em Girl From Rio, Vai Malandra mostrou o corpo real da brasileira, sem padrões ou edição, mas com muita  e beleza e democracia. São loiras, morenas, baixas, altas, gordas e magras que ilustram ambos os clipes. Todas, no entanto, com sorriso no rosto e gingado no pé. 

"Hoje tem muito mais essa coisa do empoderamento dos corpos, de todas as belezas serem valorizadas - algo que a gente tentou trazer no clipe e até na letra quando a gente fala que as 'hot girls' (garotas gostosas) não têm corpos de modelos, mas são mulheres de curvas e cheias de energia, algo típico da mulher brasileira, carioca", pontua.

Hoje, o clipe já conta com mais de 416 milhões de visualizações e já foi até cantado por ela aos americanos que assistiram o famoso show de réveillon da Times Square, em Nova York, deste ano. O poder da música feita em parceira com Mc Zaac, Maejor feat. Tropkillaz e DJ Yuri Martins foi reconhecida em Girl From Rio nos versos: "Vai malandra, gringo canta, todo mundo canta". 

Divulgação

Um dia depois do seu aniversário de 28 anos, no dia 31 de março deste ano, começaram as divulgações de Girl From Rio. Na legenda de sua foto na qual fala sobre seu novo ciclo de vida, ela conta em inglês: "Esse foi o meu primeiro aniversário fora do Brasil e longe da minha família, mas eles (claro) acharam uma maneira de me fazer chorar. É assim que os brasileiros são. E não importa onde eu vá, eu sempre levarei o meu país e a minha cidade comigo. Eu sou uma garota do Rio."

A partir daí, por dez dias seguidos, Anitta publicou fotos de grandes personalidades, brasileiras e estrangeiras, em preto e branco e com legenda em inglês que explicava a relação dele (a) com o País. Em todas as mulheres cariocas, como Helô Pinheiro, Marielle Franco e Fernanda Montenegro, ela terminava a legenda com 'She is a girl from Rio' (Ela é uma garota do Rio), já dando a dica do novo single.

"Eu só vir aqui para fora e cantar em inglês não é o que eu quero. Pode até ser um caminho mais rápido fazer o que todo mundo já está fazendo, mas isso não teria propósito na minha carreira internacional. E por isso que a gente estava postando aquelas curiosidades no meu Instagram. Hoje, mais de 30% dos meus seguidores não são brasileiros e a gente achou importante apresentar algumas coisas do Brasil para eles se conectarem com tudo antes da música vir", afirma Anitta.

Foi no dia 22 de abril, com uma das fotos do clipe divulgada, que seguidores e famosos passaram a fazer trasnformar as imagens do clipe em memes. Homens, mulheres e crianças trocavam a foto da cantora por uma deles, atualizando também a sua origem. O humorista e apresentador Fábio Porchat, por exemplo, colocou 'Girl from Porta', em referência ao canal Porta dos Fundos, do qual é um dos fundadores. Apesar  do ônibus viralizar nas fotos e nas redes sociais, no clipe o veículo não é tão presente.

 

A divulgação de imagens prévias nas redes sociais para aumentar a curiosidade do lançamento das músicas já é algo bastante utilizado por Anitta. Foi assim, por exemplo, com Loco, sua última música lançada em janeiro deste ano e gravada nos Estados Unidos, e com Me Gusta, sua parceria com a rapper americana Cardi B em 2020.

Engajada, Anitta pensa em todos os detalhes antes de um lançamento. Fato que foi bem demonstrado em sua série documental da Netflix, Anitta: Made in Honório. A cantora também leva a sério seu poder de levar uma boa imagem do Brasil para fora e trazer representatividade em seus clipes e redes sociais - com assuntos que vão de política à beleza da mulher brasileira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.