Anhembi vai processar empresa Showmaster

A empresa Showmaster, que cancelou o festival que realizaria no Anhembi, no dia 24, o Masters Open Air, será notificada judicialmente pela Anhembi Turismo e Eventos, por ter informado no seu site que as causas do cancelamento foram "problemas administrativos envolvendo a produção e o local do evento".Segundo nota divulgada pela Assessoria de Imprensa do Anhembi, a empresa "se exime de qualquer responsabilidade, já que todas as suas obrigações contratuais foram cumpridas e o espaço locado para a realização do evento já se encontra disponível para a montagem do mesmo. O promotor não se pronunciou e portanto a causa do cancelamento é para nós desconhecida, assim como a forma de tratamento que a Show Master dispensará aos consumidores que adquiriram seus ingressos."Por intermédio do seu assessor de Imprensa, Tiago Carandina, a produtora Showmaster refutou acusações de Bernie Shaw, o vocalista da banda inglesa Uriah Heep, que a acusou de desorganização em entrevista ao Estado. "Entendemos a indignação da banda, mas também temos responsabilidades com os fãs, e não somente com os fãs do Uriah Heep, e sim com todo o público que já havia comprado ingressos para o show", afirmou Carandina.A empresa diz que vai divulgar oportunamente informações sobre a nova data e como será o procedimento para quem quiser devolver ingresso. Leia abaixo a nota integral da Anhembi Turismo:"A Anhembi Turismo e Eventos informa que o show Masters Open Air, que aconteceria em suas dependências no próximo dia 24, sábado, foi cancelado pelo seu promotor Show Master, nesta sexta-feira. Na data de hoje, a empresa contratante foi notificada judicialmente pelo Anhembi devido à nota publicada em seu site e à imprensa, que confere parte da responsabilidade do adiamento ou cancelamento do show ao local de sua realização. Por meio desta, solicitamos que a Show Master faça ampla divulgação do cancelamento, explicitando que o real motivo não envolve o Anhembi. A Anhembi se exime de qualquer responsabilidade, já que todas as suas obrigações contratuais foram cumpridas e o espaço locado para a realização do evento já se encontra disponível para a montagem do mesmo. O promotor não se pronunciou e portanto a causa do cancelamento é para nós desconhecida, assim como a forma de tratamento que a Show Master dispensará aos consumidores que adquiriram seus ingressos."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.