Amy Winehouse tenta recuperar glória na festa do Grammy

Com imagem desgastada pelo envolvimento com drogas, cantora britânica concorre em seis categorias

Talita Eredia, do estadao.com.br, com agências internacionais,

10 Fevereiro 2008 | 15h57

A cantora britânica Amy Winehouse pode mostrar neste domingo, 10, durante a festa do Grammy, que está muito além do envolvimento com drogas e problemas com a polícia que a tem colocado no topo das notícias nos últimos tempos. Vice-líder de indicações, concorrendo em seis categorias, a popstar de 24 anos se apresenta na cerimônia desta noite via satélite, após um impasse diplomático provocado pela má fama.   Veja também:  O melhor do Grammy 2007    Amy está em uma clínica de reabilitação em Londres, em meio a uma batalha contra as drogas, e embora a canção que ela cantará ainda não tenha sido confirmada, é provável que a cerimônia que começa às 23 horas (horário de Brasília) conte com Rehab, composta pela estrela e que fala sobre a sua relutância em procurar ajuda para o vício.   Segundo a Reuters, um dos produtores de Amy, Mark Ronson, afirmou que ele está preparado se Rehab, a primeira música de trabalho de Back to Black, segundo álbum da cantora, perder como melhor gravação do ano para Umbrella, hit da cantora Rihanna e do rapper Jay-Z.   Amy ainda concorre nas categorias de disco do ano, música do ano, melhor artista estreante, melhor performance pop vocal feminina e melhor disco vocal. Ela perde em indicações apenas para o rapper Kanye West, que disputa oito categorias, sete delas ligadas ao estilo musical do cantor e apenas uma mais geral: álbum do ano.   Entre os artistas indicados que também tocam no evento estão o Foo Fighters, Beyoncé em um dueto com Tina Turner, e o veterano do rock John Fogerty ao lado das lendas Little Richard e Jerry Lee Lewis. Aretha Franklin, ganhou 17 edições do Grammy em mais de 40 anos de carreira, se apresentará em um dueto com a cantora Alicia Keys.   Em tempos de prévias nas eleições americanas, a categoria de melhor disco falado ganhou destaque. O pré-candidato democrata Barack Obama concorre com os ex-presidentes Bill Clinton e Jimmy Carter.   Brasileiros indicados   Pela primeira vez, três brasileiros foram indicados na mesma categoria (World Music) ao Grammy. O ministro Gilberto Gil, que ganhou duas vezes, concorre com Gil Luminoso; Bebel Gilberto concorre com Momento e Céu, com álbum de mesmo nome. Concorrem também a canadense Loreena McKennitt e a africana Angelique Kidjo.   O E! Entertainment mostra, no domingo, a partir das 21 horas, o tapete vermelho do Grammy. A cerimônia será exibida no canal pago Sony, às 23 horas.

Mais conteúdo sobre:
Amy Winehouse Grammy

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.