Amy Winehouse é presa por posse de drogas em Londres

De acordo com a polícia, a cantora se entregou numa delegacia de Londres

Reuters

07 de maio de 2008 | 15h46

A cantora inglesa Amy Winehouse foi presa nesta quarta-feira, 7, por posse de drogas, de acordo com fontes da polícia.  A cantora de soul, ganhadora de vários prêmios Grammy, o Oscar da música, foi detida e liberada há menos de duas semanas, por ter supostamente agredido um homem. Nesta quarta, 7, Amy foi presa depois de se entregar numa delegacia de Londres. "Às 13 horas da quarta-feira, uma mulher de 24 anos foi até uma delegacia", disse a polícia em uma declaração. "Ela foi presa em razão de posse alegada de droga controlada." A polícia se recusou a fornecer mais detalhes. Amy ficou uma noite na cadeira no mês passado, mas foi solta sem nenhuma acusação depois de admitir ter batido em um homem. A cantora não compareceu à premiação do Grammy Awards em Los Angeles, realizada em fevereiro, da qual participou ao vivo apenas por meio de um vídeo. Ganhou 5 Grammys, incluindo melhor disco e canção do ano por Rehab, além de melhor voz de disco pop por seu principal lançamento, o disco Back to Black.

Tudo o que sabemos sobre:
amy winehouseprisãodrogas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.