AFP
AFP

Álbum póstumo da artista soul Sharon Jones será lançado em novembro

Cantora morreu em 2016, aos 60 anos, vítima de câncer

O Estado de S.Paulo

10 Outubro 2017 | 17h15

Um álbum póstumo com canções inéditas da cantora soul americana Sharon Jones, falecida há um ano, será lançado em novembro, anunciou o selo musical Daptone Records nesta terça-feira (10). 

Jones, que ficou famosa tardiamente e cuja voz foi comparada com a do célebre cantor de soul James Brown, gravou algumas músicas acompanhada de sua banda, The Dap-Kings, antes de sua morte, segundo a gravadora. 

Após alguns trabalhos gravados em estúdio, o novo disco, intitulado "Soul of a Woman", estará disponível para venda a partir de 17 de novembro. 

"Ainda que não possamos voltar a ver o rebolado eletrizante no palco, Sharon Jones continua nos presenteando com sua alma e música", indicou um comunicado. 

Criada no bairro nova-iorquino do Brooklyn, Jones teve seu primeiro contato com a música como cantora gospel em uma igreja e profissionalmente se iniciou como backing vocal. Por não ter encontrado estabilidade nos trabalhos com a música, precisou desempenhar outras funções, como, por exemplo, agente prisional em Riker Island, a maior penitenciária de Nova York. 

Jones teve sua grande chance como corista de Amy Winehouse e conquistou fama como artista solo na Daptone, um selo criado no ano 2000 no Brooklyn, dedicado a reviver o soul clássico e o ritmo do funk.

A cantora, que lutava contra um câncer desde 2013, morreu em 2016, aos 60 anos./AFP

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.