Alanis Morissette empolga Via Funchal com sucessos antigos

Depois da capital paulista, cantora segue viagem para Rio, Belo Horizonte, Florianópolis e Porto Alegre

Luiz Raatz, do estadao.com.br,

04 de fevereiro de 2009 | 00h09

  Foto: JF Diorio/AE   SÃO PAULO - A cantora canadense Alanis Morissette, de 34 anos, se apresentou na noite de terça-feira, 3, em um Via Funchal lotado em São Paulo, no sexto show de sua turnê pelo Brasil. Alanis mesclou sucessos de dois de seus primeiros álbuns, 'Jagged Little Pill', de 1995,  e 'Suposed Former Infatuation Junkie', de 1998, que empolgaram o público, com canções do novo disco, 'Flavors of entanglement', de 2008.   Após um atraso de cerca de 20 minutos, e de insistentes gritos de 'Alanis, Alanis', a banda entrou no palco. Só se ouvia a banda e a voz da cantora em uma estrofe de 'The Couch'. Na segunda música, ela apareceu. A multidão gritou alto para saudar as primeiras notas de piano 'Uninvited', música da trilha sonora do filme 'Cidades dos Anjos'. Vestida de roxo e preto, Alanis se destacou em um cenário simples, decorado com temas indianos, com imagens de um sol poente, flores, galhos secos e pequenos jogos de luzes. Empolgada, a cantora mostrou carisma e animação. Se a crítica diz que ela amadureceu ao longo dos anos, ao vivo continua com o mesmo ímpeto de 14 anos atrás. Correu pelo palco, pulou e agitou os cabelos. Para amenizar o calor que fazia na sala de shows, Alanis recorria a goles d'água entre uma canção e outra. A banda, composta por um tecladista, um baixista, um baterista e dois guitarristas mostrou entrosamento e talento, principalmente graças à mão pesada do dono das baquetas, Blair Sinta. Alanis, por sua vez, tocava ocasionalmente guitarra, gaita e violão. O som era mais cru, roqueiro e pesado do que um fã desavisado poderia esperar.   Alanis falou pouco com o público, mas mesmo se tentasse não conseguiria ser ouvida, tamanha a devoção da platéia. Arriscou um 'Obrigada, São Paulo, senti a falta de vocês', entre uma canção e outra.   As músicas do novo álbum 'Underneath' e 'Moratorium' foram bem recebidas, mas eram mais conhecidas dos fãs mais fiéis. Depois de alguns hits como 'Head Over Feet' e You Oughta Know', Alanis dedicou a última parte do show a um set acústico. Com a banda toda sentada, tocou "Hand In My Pocket", "Underneath" e "Everything'.O melhor ficou para o bis. A banda voltou ao formato elétrico para tocar 'You Learn', 'Ironic' e fechar o show com 'Thank You', em agradecimento às cerca de 6 mil pessoas presentes. Após 1h30 música, fim de jogo, torcida ganha e todos voltaram felizes para casa.   Alanis toca hoje no Rio de Janeiro, no HSBC Arena. Depois segue para Belo Horizonte  no dia 5, onde se apresenta no Chevrolet Hall. A cantora também fará shows em Florianópolis, no dia 7, na Pachá, e em Porto Alegre, dia 10, no Pepsi on Stage.   Veja o set list completo:   "The Couch" (intro) "Uninvited" "Versions of Violence" "All I Really Want" "The Couch" (2ª parte) "Not The Doctor" "Not As We" "Head Over Feet" "The Couch" (3ª parte) "Sympathetic Character" "Perfect" "Moratorium" "You Oughta know" "Tapes" "Hand In My Pocket" "Underneath" "Everything" (bis) "You Learn" "Ironic" "Thank You"

Tudo o que sabemos sobre:
Alanis Morissetteturnêmúsicashow

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.