Cecilia Schiavo
Cecilia Schiavo

Projeto de apoio a livrarias chega ao fim e arrecada R$ 530 mil

Iniciativa das entidades do livro, o projeto Retomada das Livrarias vai dividir o valor entre 53 pequenas e médias livrarias afetadas pela pandemia

Redação, O Estado de S. Paulo

13 de outubro de 2020 | 11h44

Quatro meses depois de ser lançado com o objetivo de apoiar financeiramente pequenas e médias livrarias afetadas pela pandemia, chega ao fim o projeto Retomada das Livrarias. Uma iniciativa da Câmara Brasileira do Livro (CBL), da Associação Nacional de Livrarias (ANL) e do Sindicato Nacional dos Editores de Livros (SNEL), com a participação de empresas parceiras, a campanha de financiamento coletivo arrecadou R$ 530 mil, doados por cerca de 300 pessoas e empresas.

As 53 livrarias independentes selecionadas por uma comissão vão receber agora o último depósito, no valor de R$ 1 mil. O valor total do apoio é de R$ 10 mil para cada uma. Entre elas estão a Livraria Simples, a Livraria da Tarde e a Banca Tatuí, em São Paulo, a Leonardo da Vinci, no Rio, e a Solar do Leitor, em Belém.

O projeto prevê, ainda, outro tipo de apoio para as 213 livrarias que se inscreveram. Até dezembro, elas terão acesso gratuito à plataforma Metabooks, de metadados, e a FMZ Tecnologia em Sistemas oferecerá a isenção dos custos de implementação do sistema de gestão Horus.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.