Pascal Rossignol/Reuters
Pascal Rossignol/Reuters

O sonho, o medo e o mar: Tamara Klink narra em livro sua primeira travessia sozinha de barco

O box 'Crescer e Partir' traz dois livros da escritora, velejadora e filha de Amyr Klink: 'Mil Milhas' e 'Um Mundo em Poucas Linhas'

Maria Fernanda Rodrigues, O Estado de S. Paulo

29 de junho de 2022 | 03h00

O que é um livro? Com essa pergunta, o escritor Murray McCain e o ilustrador John Alarcon dão início ao seu pequeno grande Livros – que conta para crianças como eles são feitos, o que há neles e por que os amamos. 

“Um livro é cheio de surpresas, sentimentos e aprendizados sobre como é ficar mais velho e amar todas as coisas realmente importantes”, lemos. E depois: “Um livro é como um amigo. (...) É como um outro quarto, ou outra cidade, ou outro mundo, onde alguém está querendo falar com você”.

Lembro desta obra publicada pela Pequena Zahar em 2014 enquanto leio Crescer e Partir, de Tamara Klink – que foi um amigo para ela quando se viu sozinha, aos 23 anos, atravessando o Mar do Norte a bordo de um pequeno barco que ela comprou, consertou e deu o nome de Sardinha.

Crescer e Partir, um box que reúne Mil Milhas e Um Mundo em Poucas Linhas, em bela edição da Peirópolis, é uma mistura de diário, relato de viagem e livro de poemas em que ela narra sua jornada de amadurecimento – a sua travessia. 

E, neste sentido, o livro pode ser um amigo para um leitor mais jovem (mas não só), que vai encontrar, ali naquelas páginas, uma pessoa em confronto com seus sonhos, seus medos, sua insegurança, o coração partido, a solidão, a saudade. Com as lembranças dos conflitos de família, a depressão num momento tão crucial quanto o fim do colégio, as perspectivas da vida adulta.

Este é também um livro sobre encontros que nos levam adiante, sobre apoio, confiança, coragem, determinação e superação. Um livro com cheiro de mar, balanço e vento no rosto.

O mar... Era natural que ali fosse o lugar do sonho. Em seu primeiro registro, no dia 31 de julho de 2020, Tamara conta que cresceu numa casa onde as paredes eram feitas de livros sobre alto-mar. “Minha mãe forrava nossas camas com pelúcias de bichos aquáticos, meu pai forrava nossos sonhos com histórias de barcos e ventos austrais.” 

A filha de Amyr Klink nos leva com ela nesta viagem – para dentro de si e por outros mares. 

Em Mil Milhas, acompanhamos o projeto desde o início, na Noruega, em plena pandemia – Tamara vivia na França, tinha terminado um relacionamento, não podia voltar ao Brasil por causa das fronteiras fechadas, não tinha dinheiro, mas, no meio disso tudo, reencontrou esse sonho de fazer uma travessia em solitário. E ao realizá-la, nos seus mínimos e assustadores detalhes, ela se viu adulta. Já Um Mundo em Poucas Linhas reúne outros escritos de Tamara – basicamente, sobre o que sentimos quando crescemos. A viagem é bonita. 

Crescer e Partir

Autora: Tamara Klink

Editora: Peirópolis (2 volumes; 368 págs.; R$ 99; R$ 59,40 o e-book)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.