Reprodução
Reprodução

Memórias de Pedro Nava serão reeditadas e devem sair em 2012

Cia das Letras e Ateliê Editorial fecharam acordo para o lançamento de sete títulos do autor

Estadão.com.br,

27 Abril 2011 | 17h00

SÃO PAULO - A Companhia das Letras fechou um acordo com a Ateliê Editorial para editar sete volumes da obra memorialística do médico e escritor Pedro Nava. A previsão é que as edições da Cia das Letras sejam lançadas a partir de 2012, mesmo ano em que se comemoram os 40 anos da primeira edição de Baú de Ossos. Balão Cativo, Chão de Ferro, Beira-mar, Galo-das-Trevas, O Círio Perfeito e Cera das Almas completam a lista das novas edições.

 

Mineiro de Juiz de Fora, Pedro da Silva Nava nasceu em 5 de junho de 1903. Na década de 1920, fez parte do grupo modernista mineiro, junto com Carlos Drummond de Andrade, Emílio Moura, Abgar Renault e outros. O escritor se formou em medicina pela Universidade Federal de Minas Gerais em 1927 e, em 1933, mudou-se para o Rio de Janeiro para exercer a profissão.

 

Além de poeta bissexto, Nava também desenhava - segundo Carlos Drummond de Andrade, "ele não quis ser pintor. Se quisesse, daria um banho em muito medalhado por aí". Quando começou a publicar suas memórias na da década de 70, foi saudado como um dos grandes escritores da literatura brasileira. Os sete volumes traçam um painel da vida cultural no Brasil do século 20. Pedro Nava suicidou-se em 13 de maio de 1984.

 

Drummond. A Companhia das Letras também passará a editar os livros de Carlos Drummond de Andrade. A obra do poeta mineiro terá novo projeto gráfico, nova concepção editorial, com versões simultâneas para e-book, e sairá pela editora a partir de 2012, ano que marca os 25 anos da morte de Drummond. O poeta teve sua obra publicada pela José Olympio Editora, de 1942 a 1984, ano em que assinou com a Editora Record, com a qual teve mais de 40 livros lançados.

Mais conteúdo sobre:
Pedro Nava literatura

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.