Marvel Comics
Marvel Comics

Marvel, DC e quadrinistas lamentam a morte de Steve Ditko

O recluso cocriador do Homem-Aranha e do Doutor Estranho tinha 90 anos

O Estado de S.Paulo

07 Julho 2018 | 12h49

A notícia da morte de Steve Ditko, cocriador de personagens como o Homem-Aranha e o Doutor Estranho, as gigantes dos quadrinhos americanos Marvel e DC, além de outras figuras do universo das HQs se pronunciaram e manifestaram seus lamentos pela perda. 

+Jake Gyllenhaal pode interpretar vilão em 'Homem-Aranha: De Volta ao Lar 2'

A Casa das Ideias, onde ele se consagrou como um dos grandes autores de quadrinhos, afirmou que o legado de Ditko nunca será esquecido, e que ele transformou a indústria e o Universo Marvel: 

 

A editora rival, DC Comics, também se pronunciou a respeito da morte de Ditko, "um dos mais incríveis criadores na história doas quadrinhos, que nos mostrou que há um herói em cada um de nós".  

O escritor Neil Gaiman, que foi autor de outro célebre personagem dos quadrinhos, Sandman, falou a respeito da importância de Ditko, dizendo ter sido uma pessoa diferente por causa do quadrinista:  

Mike Deodato, um dos principais quadrinistas brasileiros da Marvel, afirmou que Ditko era um criador à frente de seu tempo:

+Homem-Aranha nos cinemas: do pior para o melhor

 

Mais conteúdo sobre:
quadrinhosMarvel

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.