AFP
AFP

Juan Goytisolo vence o Prêmio Cervantes 2014

Edições brasileiras de obras do escritor espanhol podem ser encontradas em sebos

O Estado de S. Paulo, com agências

24 de novembro de 2014 | 15h35

MADRI - O popular autor espanhol Juan Goytisolo venceu o Prêmio Cervantes 2014, o mais importante das letras hispânicas.

O ministro da Educação da Espanha, Jose Ignacio Wert, anunciou o prêmio nesta segunda-feira, 24, dizendo que deu a notícia a Goytisolo no Marrocos, onde o escritor vive atualmente.

Goytisolo, de 83 anos, é considerado um dos escritores mais importantes da Espanha desde a Guerra Civil que aconteceu no país entre 1936 e 1939. Um forte crítico da sociedade espanhol católica, muitos de seus livros falam sobre a vida na ditadura do pós-guerra e do exílio.

Sua obra de ficção mais recente é El exiliado de aquí y de allá, publicada em 2008. No Brasil, seus livros estão esgotados, mas podem ser encontrados em sebos. Entre eles Reivindicação do Conde Julião (Civilização Brasileira, 1975), A Saga dos Marx (Companhia das Letras, 1996) e As Semanas do Jardim (Agir, 2005).

O prêmio de US$ 155 mil geralmente se alterna entre autores espanhóis e latino-americanos, anualmente. A última vencedora tinha sido a mexicana Elena Ponitowska.

Os prêmios são entregues todo dia 23 de abril, aniversário de morte de Miguel de Cervantes, autor do Quixote.

Mais conteúdo sobre:
Juan GoytisoloPrêmio Cervantes

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.