REUTERS/Alessandro Garofalo
REUTERS/Alessandro Garofalo

Flip 2015: mesas com Roberto Saviano e Arnaldo Antunes estão esgotadas; veja mais

Entradas para a 13ª edição da Feira Literária Internacional de Parati começaram a ser vendidas nesta segunda-feira, 1º

O Estado de S. Paulo, O Estado de S. Paulo

01 de junho de 2015 | 19h54

O primeiro dia de vendas dos ingressos para acompanhar as mesas e debates da Feira Literária internacional de Parati, que chega a 13ª edição entre os dias 1º a 5 de julho, começou movimentado - e com os bilhetes para algumas mesas já esgotados. É o caso da mesa 16, realizada no sábado, 4, às 19h30, num encontro com Roberto Saviano, jornalista e escritor italiano jurado de morte pela máfia do país de origem depois de ter publicado Gomorra.

O livro, lançado em 2006, relata as ações ilegais realizados pela Camorra, na região de Nápoles. Saviano é um dos destaques desta edição da Flip e seu livro mais recente publicado aqui é Zero Zero Zero, sobre o mercado da cocaína no mundo. Outro nome grande, dentre os 38 autores da Feira, Richard Flanagan, australiano que acaba de ganhar o Booker Prize pelo romance O Caminho Estreito para os Confins do Norte (aqui, o livro sairá Globo).

A mesa de Flanagan, Escrever ao Sul, a ser realizada ao lado de Ngugi wa Thiong’o, na sexta-feira, 3, também está com os ingressos esgotados. As vendas para as mesas As Ilussões da Mente (com Eduardo Giannetti e Sidarta Ribeiro, dia 3, às 15h), Amar, verbo transitivo (Ana Luisa Escorel e Ayelet Waldman, dia 3, às 19h30), De balões e blasfêmias (Riad Sattouf e Rafa Campos, dia 4, às 15h) e Desperdiçando verso (com Arnaldo Antunes e Karina Buhr, dia 4, às 21h30) também já chegaram ao fim.

Entre os encontros quase esgotados estão: Do angu ao Kaos (Jorge Mautner e Marcelino Freire, dia 2, às 21h30), Encontro com Boris Fausto (dia 3, às 10h) e Os homens que calculavam (Artur Ávila e Edward Frenkel, dia 4, às 17h15).

A conferência de abertura, As Margens de Mário, ficará a cargo da crítica literária argentina Beatriz Sarlo, de Eliane Robert Moraes, que prepara o lançamento de Antologia da Poesia Erótica Brasileira, com poemas também do autor de Macunaíma, e Eduardo Jardim, que acaba de publicar Eu Seu Trezentos (Edições de Janeiro), a primeira biografia de Mário de Andrade. Ao longo de toda a programação, múltiplas ideias e interesses  do autor, do patrimônio à música, aparecerão.

Pela primeira vez, haverá uma conferência de encerramento, e Miguel Wisnik foi convidado a “oferecer Mário de corpo inteiro”, nas palavras do curador Paulo Werneck.

Vale lembrar que também pela primeira vez a Flip organizou um ciclo em São Paulo para ampliar o entendimento acerca do homenageado - a programação, em parceria com o Sesc, vai até 15 de junho. O preço dos ingressos aumentou de R$ 46 para R$ 50 e começaram a ser vendidos nesta segunda-feira, 1.º de junho, pela Tickets for Fun. Quem não conseguir comprar, pode ver pelo telão, sem custo - e segundo Munhoz, a programação da Casa de Cultura também será gratuita.

PROGRAMAÇÃO COMPLETA

Quarta, 1.º de julho

19 h

Conferência de abertura - As Margens de Mário

Beatriz Sarlo, Eliane Robert Moraes e Eduardo Jardim

Quinta, 2 de julho

10 h

A Cidade e o território

Antônio Risério e Eucanaã Ferraz

12 h (mesa Zé Kleber)

Falando Alemão

Geovani Martins, Deocleciano Moura Faião e Katjusch Hœ

15 h

De Micróbios e Soldados

Diego Vecchio e Saša Stanišic

17h15

A Poesia em 2015

Matilde Campilho e Mariano Marovatto

19h30

Encontro com Colm Tóibín

21h30

Do Angu ao Kaos

Jorge Mautner e Marcelino Freire

Sexta, 3 de julho

10 h

Encontro com Boris Fausto

12 h

São Paulo! Comoção de Minha Vida...

Roberto Pompeu de Toledo e Carlos Augusto Calil

15 h

As Ilusões da Mente

Eduardo Giannetti e Sidarta Ribeiro

17h15

Escrever ao Sul

Ngugi wa Thiong'o e Richard Flanagan

19h30

Amar, Verbo Intransitivo

Ana Luisa Escorel e Ayelet Waldman

21h30

Os Imoraes

Eliane Robert Moraes e Reinaldo Moraes

Sábado, 4 de julho

10 h

Turistas e Aprendizes

Beatriz Sarlo e Alexandra Lucas Coelho

12 h

Encontro com David Hare

15 h

De Balões e Blasfêmias

Riad Sattouf e Rafa Rocha

17h15

Os Homens que Calculavam

Artur Ávila e Edward Frenkel

19h30

Encontro com Roberto Saviano

21h30

Desperdiçando Verso

Arnaldo Antunes e Karina Buhr

Domingo, 5 de julho

10 h

Música, Doce Música

José Ramos Tinhorão e Hermínio Bello de Carvalho

12 h

De Frente para o Crime

Leonardo Padura e Sophie Hannah

14 h

Conferência de encerramento

José Miguel Wisnik

16 h

Livro de cabeceira

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.