Fernanda Montenegro e Jocy de Oliveira homenageiam Hilda Hilst na abertura da Flip

Fernanda Montenegro e Jocy de Oliveira homenageiam Hilda Hilst na abertura da Flip

Evento ocorreu na noite desta quarta-feira, 25; a atriz recitou poemas e leu trecho de uma peça, e compositora apresentou trechos de seu trabalho autoral

Ubiratan Brasil, O Estado de S.Paulo

25 de julho de 2018 | 23h30

Fernanda Montenegro recitou poemas e leu trecho de uma peça; Jocy de Oliveira apresentou trechos de seu trabalho autoral em que se destacam a curiosidade sobre a morte e a figura de uma mulher destemida. Ambas, atriz e compositora, homenagearam a escritora Hilda Hilst, na abertura da 16.ª Festa Literária Internacional de Paraty, a Flip, em Paraty, na noite de quarta-feira, 25.

+++ Um roteiro de leitura para entrar no universo de Hilda Hilst, homenageada da Flip 2018

O evento, que prossegue até domingo, homenageia Hilda, autora cuja obra era mantida no ostracismo e que tem agora, com uma série de reedições, a chance de finalmente chegar aos leitores, como ela desejava. “Quero ser lida em profundidade e não em distração. Acho que consegui um trabalho valioso”, declamou Fernanda, que foi dirigida por Felipe Hirsch.

Com seus inúmeros recursos vocais, a atriz conseguiu transmitir as principais inquietações da poeta, desde seu desdém pelos políticos (“No Ceará, crianças choram de fome”) até o angustiante silêncio com que sua obra era recebida pelos leitores (“Fiz tentativas de ir ao encontro do outro, mas fui um fracasso).

Aclamada e aplaudida em pé pelo público que lotou a Tenda da Matriz, Fernanda agradeceu homenageando Hilda Hilst, “maravilhosa, inesgotável, amada”.

+++ Casa Hilda Hilst na Flip terá debates, saraus e o 'Bar do Bico'

Acomodada na plateia, ela assistiu ao trabalho de Jocy de Oliveira, pioneira na música de vanguarda, que apresentou trechos de sua obra Apague Meu Spot Light, de 1961, considerada a primeira peça a apresentar música eletrônica no Brasil. “Trabalho com o uso de vozes, o que me aproxima de Hilda, poeta que se interessava em ouvir o que diziam seres de outras dimensões”, disse ela, que foi acompanhada por duas sopranos em sua apresentação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.