Andrew Testa/The New York Times
Andrew Testa/The New York Times

Feira do Livro de Londres é cancelada por causa do coronavírus

O evento afirmou que segue diretrizes do governo do Reino Unido e que deve retornar em 2021; Salão do Livro de Paris, e Feira do Livro Infantil de Bolonha também foram afetados

Redação, O Estado de S.Paulo

04 de março de 2020 | 08h20

Os organizadores da Feira do Livro de Londres anunciaram que o evento programado para os dias 10, 11 e 12 de março foi cancelado para evitar a disseminação do coronavírus.

De acorco com o comunicado no site da feira que seria realizada em Olympia, "os efeitos, reais e projetados do coronavírus estão se tornando evidentes em todos os aspectos de nossas vidas aqui no Reino Unido e no mundo, com muitos de nossos participantes enfrentando restrições de viagem."

Ao seguir diretrizes do governo do Reino Unido, a feira deve retornar com sua próxima edição em 2021. "É com relutância que tomamos a decisão de não prosseguir com o evento deste ano. A London Book Fair retornará, melhor do que nunca, em 2021."

 

Cancelamentos

Nesta semana o Salão do Livro de Paris também foi cancelado, devido às medidas adotadas pelo governo francês contra o coronavírus. Nesta terça, 3, a Feira do Livro de Leipzig, na Alemanha, também foi cancelada.

Feira do Livro Infantil de Bolonha, que também seria realizada em março, foi adiada para maio. Ela está prevista para ser realizada entre os dias 5 e 7. 

Museu do Louvre, um dos principais pontos turísticos de Paris, voltou a ficar fechado nesta segunda-feira, 2, pelo segundo dia, porque os funcionários usaram de seu direito de não trabalhar em caso de perigo. Eles votaram unanimamente por não trabalhar.

Museu mais popular do mundo, o Louvre recebeu 9,6 milhões de visitantes em 2019.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.