Marcio Fernandes/Estadão
Marcio Fernandes/Estadão

Com pouco investimento e grandes autores, começa a Festa Literária da Mantiqueira

Flima leva a Santo Antônio do Pinhal nomes como Milton Hatoum, Veronica Stigger, João Silvério Trevisan e Marcelo Mirisola e presta homenagem a Augusto de Campos nesta sua sua primeira edição, que termina no domingo, 16

Maria Fernanda Rodrigues, O Estado de S. Paulo

14 de setembro de 2018 | 06h00

Santo Antônio do Pinhal, cidade turística a 170 quilômetros de São Paulo, na Serra da Mantiqueira, será palco de debates literários entre sexta, 14, e domingo, 16. Milton Hatoum, Marcelo Mirisola, Veronica Stigger, Carol Rodrigues, João Silvério Trevisan, Lourenço Mutarelli e Ana Maria Gonçalves são alguns dos convidados da Festa Literária Internacional da Mantiqueira.

Idealizada pelo jornalista Roberto Guimarães, morador da cidade há três anos, a Flima foi organizada em pouco mais de três meses sem uso de leis de incentivo fiscal ou patrocínio.

“Entre colocar o festival de pé e ter recursos financeiros, preferi colocar o festival de pé”, diz Guimarães, que até tentou alguns editais, mas não conseguiu. Para tirar a ideia do papel, ele diz, contou com apoios locais, R$ 14.600 de um financiamento coletivo e sua poupança. O evento será realizado no Auditório Municipal, que tem capacidade para 300 pessoas. Os ingressos para os debates principais e para os shows custam R$ 30, mas haverá uma ampla programação ao redor, grátis, para todas as idades.

O editor Vanderley Mendonça é o curador desta edição de estreia, e escolheu Augusto de Campos como o autor homenageado. Sobre a programação da Festa Literária Internacional da Mantiqueira, Mendonça explica que o foco será na ideia da criação poética e do romance. “Os convidados vão falar sobre sua prática e sobre sua percepção do que é criar.” Ele destaca, também, a presença de autores que não frequentam muito eventos literários “porque não os agrada ou porque são excluídos mesmo, como Mirisola, e João Silvério Trevisan, que tem uma obra importante e é também um formador”.

A Festa Literária Internacional da Mantiqueira não tem relação com o extinto Festival da Mantiqueira, realizado por oito anos em São Francisco Xavier pela Secretaria da Cultura do Estado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.