Marcio Fernandes/Estadão
Marcio Fernandes/Estadão

Com pouco investimento e grandes autores, começa a Festa Literária da Mantiqueira

Flima leva a Santo Antônio do Pinhal nomes como Milton Hatoum, Veronica Stigger, João Silvério Trevisan e Marcelo Mirisola e presta homenagem a Augusto de Campos nesta sua sua primeira edição, que termina no domingo, 16

Maria Fernanda Rodrigues, O Estado de S. Paulo

14 Setembro 2018 | 06h00

Santo Antônio do Pinhal, cidade turística a 170 quilômetros de São Paulo, na Serra da Mantiqueira, será palco de debates literários entre sexta, 14, e domingo, 16. Milton Hatoum, Marcelo Mirisola, Veronica Stigger, Carol Rodrigues, João Silvério Trevisan, Lourenço Mutarelli e Ana Maria Gonçalves são alguns dos convidados da Festa Literária Internacional da Mantiqueira.

Idealizada pelo jornalista Roberto Guimarães, morador da cidade há três anos, a Flima foi organizada em pouco mais de três meses sem uso de leis de incentivo fiscal ou patrocínio.

“Entre colocar o festival de pé e ter recursos financeiros, preferi colocar o festival de pé”, diz Guimarães, que até tentou alguns editais, mas não conseguiu. Para tirar a ideia do papel, ele diz, contou com apoios locais, R$ 14.600 de um financiamento coletivo e sua poupança. O evento será realizado no Auditório Municipal, que tem capacidade para 300 pessoas. Os ingressos para os debates principais e para os shows custam R$ 30, mas haverá uma ampla programação ao redor, grátis, para todas as idades.

O editor Vanderley Mendonça é o curador desta edição de estreia, e escolheu Augusto de Campos como o autor homenageado. Sobre a programação da Festa Literária Internacional da Mantiqueira, Mendonça explica que o foco será na ideia da criação poética e do romance. “Os convidados vão falar sobre sua prática e sobre sua percepção do que é criar.” Ele destaca, também, a presença de autores que não frequentam muito eventos literários “porque não os agrada ou porque são excluídos mesmo, como Mirisola, e João Silvério Trevisan, que tem uma obra importante e é também um formador”.

A Festa Literária Internacional da Mantiqueira não tem relação com o extinto Festival da Mantiqueira, realizado por oito anos em São Francisco Xavier pela Secretaria da Cultura do Estado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.