Divulgação
Divulgação

Café Amsterdã reúne escritores holandeses e brasileiros em SP

Festival literário terá programação até domingo (30); conheça os livros que os autores convidados estão lançando no País

Maria Fernanda Rodrigues, O Estado de S. Paulo

26 Agosto 2015 | 06h00

Um lugar para jogar conversa fora, falar da vida dos outros, tomar uma cerveja ou uma genebra. Carpete vermelho, mesa para carteado, decoração parada no tempo. Há centenas de cafés em Amsterdã com essas características e, apesar de sofrerem com a concorrência dos bares mais moderninhos, eles resistem – e, ainda, servem de inspiração para outras iniciativas. 

Há quase uma década, a Fundação Holandesa das Letras decidiu que conectaria essa ideia de um lugar onde as pessoas pudessem conversar tranquilamente à literatura e criou o seu Café Amsterdã, um festival itinerante para apresentar a produção literária de seus autores e promover o debate com escritores dos países onde é realizado. A estreia foi em Praga, em 2007. De lá para cá, o evento já passou por cidades como Frankfurt, Shangai, Budapeste e Buenos Aires, e chega nesta quarta, 26, a São Paulo. Na próxima semana, o evento desembarca no Rio, com uma programação diferente.

Participam da edição paulistana (veja agenda e locais abaixo) sete autores holandeses, todos com livros já editados ou saindo da gráfica. Isso porque o principal objetivo da fundação é divulgar a literatura de seu país – e ela faz isso visitando editores, apresentando autores e subsidiando traduções. “Depois de traduzido, precisamos fazer com que o livro chegue ao leitor, e, assim, apoiamos viagens de autores que vão participar de eventos internacionais e promovemos os nossos, como o Café Amsterdã”, explica Tiziano Perez, diretor da fundação, que está investindo 100 mil euros no festival.

A programação inclui escritores dos mais diferentes gêneros. Arnon Grunberg é o mais badalado. Dele, a Globo publicou Amsterdã Blues e Dor Fantasma, esgotados. Agora, a Rádio Londres lança Tirza, considerado seu melhor romance e que já virou filme. Marjolijn Hof é um dos principais nomes da literatura juvenil da Holanda. Seu livro Um Fio de Esperança saiu pela WMF Martins Fontes.

O poeta Arjen Duinker vem a São Paulo pela segunda vez, mas só agora ganha um título. Antologia Provisória, da Confraria do Vento, sai da gráfica em tempo da edição carioca do evento. 

Barbara Stok apresenta Vincent, graphic novel sobre Van Gogh editada pela L&PM. Janny van der Molen, o infantil Lá Fora, a Guerra – O Mundo de Anne Frank (Rocco). Tommy Wieringa lança Joe Speedboat pela Rádio Londres e Toine Heijmans, No Mar, um dos melhores romances da leva, pela Cosac Naify. Entre os autores daqui, Daniel Galera e João Carrascoza. 

Outro convidado é o ator Ton Meijer. Herdeiro dos direitos de O Arame Alexandre (34), de Sieb Posthuma, seu companheiro morto em 2014, ele apresenta a peça que criou com base neste livro infantil que conta a história de Alexander Calder.

Confira a programação de São Paulo

Quarta, 26

19h

Abertura com Arnon Grunberg, Toine Heijmans, Tommy Wieringa, Daniel Galera e Michel Laub e show de Diogo Poças Casa das Rosas (Av. Paulista, 37)

Quinta, 27

19h

Vencedores, Perdedores e Forças da Natureza

Com Tommy Wieringa e Daniel Galera

Livraria da Vila (Alameda Lorena, 1.731)

Sexta, 28

19h

Sobre Literatura, Moralidade e o Poder da Imaginação

Com Arnon Grunberg e Michel Laub

Livraria Martins Fontes (Av. Paulista, 509) 

Sábado, 29

12h

O Arame de Alexandre - Teatro para crianças acima de 5 anos com Ton Meijer

Biblioteca Mário de Andrade (Rua da Consolação, 94)

15h

O Mundo de Anne Frank

Com Janny van der Molen e Noemi Jaffe

Livraria Martins Fontes (Av. Paulista, 509)

17h

Conversa com Arnon Grunberg 

Livraria Cultura (Av. Paulista, 2.073)

19h

A Conexão de Amsterdã: Uma Noite Poética

Com Arjen Duinker, Fabrício Corsaletti, Leonardo Gandolfi e Alberto Martins

Casa das Rosas (Av. Paulista, 37)

Domingo, 30

12h

O Arame de Alexandre - Teatro para crianças acima de 5 anos com Ton Meijer

Livraria da Vila (Alameda Lorena, 1.731)

15h

Amor Parental, Família e o Medo da Perda 

Com Toine Heijmans e João Anzanello Carrascoza

Livraria Cultura (Av. Paulista, 2.073)

16h

Emoções e Imagens - Uma Conversa sobre Novelas Gráficas

Com Barbara Stok e Rafael Coutinho

Livraria Martins Fontes (Av. Paulista, 509)

17h30

Conversa entre Marjolijn Hof e Ilan Brenman

Llivraria da Vila (Alameda Lorena, 1.731)

Estante: Conheça os livros dos autores convidados do Café Amsterdã

 

Mais conteúdo sobre:
CulturaLiteraturaHolanda

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.