Bob Dylan fecha contrato com editora Simon & Schuster para escrever 6 livros

'Crônicas: volume 1' terá duas sequências; outro livro se centrará no programa de rádio do músico

EFE,

21 de janeiro de 2011 | 00h19

O músico americano Bob Dylan assinou um contrato para escrever seis novos livros, que serão distribuídos pela editora Simon & Schuster, informou nesta sexta-feira, 21, o site especializado em economia Crain's New York Business, dos Estados Unidos.

O site detalhou que a editora americana, que já publicou em 2004 o sucesso de vendas Crônicas: Volume 1, de Dylan, chegou a um acordo com o agente literário Andrew Wylie para publicar os seis livros.

Duas das obras serão uma continuação da trilogia iniciada por Crônicas, muito elogiada pela crítica, enquanto outro dos livros se centrará no programa de rádio que o músico dirigia para a emissora por satélite Sirius XM.

O acordo aparentemente chega após vários meses nos quais Wylie tentou negociar com outras editoras, apesar de a Simon & Schuster garantir que tinha os direitos de qualquer sequência de Crônicas.

Segundo o Crain's New York Business, o agente afirmou que a editora não era a proprietária das memórias, porque "Crônicas" era uma série de histórias "de não ficção sobre a vida de Dylan, e não lembranças", mas que nenhuma outra editora se arriscaria a entrar em acordo por temer ser processada.

Tudo o que sabemos sobre:
Bob Dylan, Simon & Schuster, livros

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.