BBC
BBC

Bloomsday 2018 será celebrado na Casa Guilherme de Almeida e Casa das Rosas

Eventos prestam homenagem ao escritor James Joyce, autor de 'Ulysses', também em Florianópolis

Redação, O Estado de S. Paulo

15 Junho 2018 | 08h30

Um encontro com Maria Teresa Quirino, que fará um panorama da obra de James Joyce e analisará sua recepção, na Casa Guilherme de Almeida, hoje, 15, às 19 horas, abre as celebrações do Bloomsday, festejado em todo o mundo, desde 1924, em 16 de junho, dia em que o escritor irlandês situa Ulysses, seu livro mais cultuado. 

A programação paulista continua no sábado. Também na Casa Guilherme de Almeida, às 15 h, Amara Moira faz a palestra Indeterminação de Sentidos no Ulysses de James Joyce. A proposta é discutir a utilização de efeitos sonoros, como as onomatopeias, na obra do autor. 

Na sequência, às 16h30, Marcelo Tápia comanda um bate-papo online, com transmissão no sites da Casa Guilherme de Almeida e Casa das Rosas, com a participação do professor e crítico Aguinaldo Médici Severino e do escritor Abdon Franklin de Meiroz Grilo, autor de Ulisses – Um Estudo.

+++ Grande coleção de obras de James Joyce é doada para biblioteca de NY

O encerramento dos festejos será às 19 h, na Casa das Rosas, com o evento O Cidadão em Ulysses. O tema da festa deste ano, que segue até as 21h no casarão da Paulista, é o capítulo 12 de Ulysses, que conta o episódio do Ciclope, da Odisseia de Homero. Além de música e dança tradicionais da Irlanda, haverá leituras de trechos da obra de Joyce em diversos idiomas. Para fechar a noite, o velório de Finnegan, baseado no livro Finnegans Wake, também de Joyce, será lembrado pelas semelhanças com A Morte e a Morte de Quincas Berro D’Água, de Jorge Amado.

+++ Livro conta história de livraria frequentada por Hemingway e Joyce

Florianópolis, outro reduto de pesquisadores e fãs do escritor morto em 1941, também terá a sua programação. No sábado, das 15 às 18 horas, no Badesc, as atividades vão girar em torno da relação dos heróis com os animais – do cão de Ulisses, personagem de Homero, ao gato de Ulysses, de Joyce, passando por outros animais que atuam em diferentes obras de artes (literatura, pintura, cinema e música).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.