BritBox/BBC Studios/Reuters
BritBox/BBC Studios/Reuters

Bienal Virtual do Livro vai homenagear Agatha Christie em encontro com escritores e youtubers

A Bienal Virtual do Livro será realizada entre 7 e 13 de dezembro

Redação, O Estado de S. Paulo

25 de novembro de 2020 | 11h00

A Bienal do Livro de São Paulo, que adiou sua edição para 2022 por causa do coronavírus e depois anunciou a realização da Bienal Virtual do Livro de São Paulo, entre os dias 7 e 13 de dezembro, terá uma mesa para debater a obra de Agatha Christie no centenário de sua estreia literária. Foi em 1920 que a Rainha do Crime publicou O Misterioso Caso de Styles, um livro recusado por seis editoras.

A conversa, no dia 9, àS 17h, vai reunir Bel Rodrigues, youtuber com mais de 800 mil seguidores e pós-graduanda em Criminologia, o escritor Raphael Montes e o contador de histórias Tito Prates. A mediação será feita pela Madame Agatha Killer.

Essa mesa integra a programação da Arena Virtual, que tem a curadoria de Diana Passy, criadora da FLIPOP, o primeiro festival literário voltado para o público jovem do Brasil. 

Haverá ainda encontros no Salão de Ideias, Papo de Mercado e Espaço Mauricio de Sousa, para as crianças. Tudo virtual. 

A programação completa deve ser anunciada até o começo da semana, mas já estão confirmados nomes como Verônica Oliveira, Mauricio de Sousa, Nara Bueno, Claudia Raia, Isabela Freitas, Leandro Karnal, Monja Coen e Mário Sergio Cortella, além dos estrangeiros Sarah MacLean, Scarlett Peckham, Nic Stone e Gavin Roy.

O evento promovido pela Câmara Brasileira do Livro (CBL) acontecerá pelo portal www.bienalvirtualsp.org.br, onde, além dos debates, será realizada uma feira virtual de livros. O site ficará no ar até 13 de janeiro e para ter acesso aos encontros é preciso se cadastrar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.