Winona Ryder quer de volta as peças que furtou

Winona Ryder quer de volta asroupas que furtou da loja Saks Fifth Avenue. Como teve de pagar US$ 10 mil de indenização à loja, a atriz acha que tem direito aficar com as mercadorias, que pretende leiloar em benefício de instituições de caridade. O vestido da Gucci, a bolsa de Dolce &Gabbana e a suéter de Marc Jacobs, entre outras mercadoriasavaliadas em quase US$ 6 mil, estão em poder da Corte Superior daCalifórnia, como provas do caso. Não há informação de quando,ou mesmo se, os objetos vão ser liberados. Pela lei, os objetos pertencem àSaks. Além da multa, a atriz foi condenada a fazer 480 horas deserviço comunitário e a ficar três anos em liberdadecondicional.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.