'Vuvuzela' entra no dicionário de inglês de Oxford

Termos oriundos da crise financeira, da internet e do aquecimento global também foram incorporados.

BBC Brasil, BBC

19 de agosto de 2010 | 04h57

A Copa do Mundo, a crise financeira mundial e o aquecimento global estão entre as influências linguísticas mais recentes a serem incorporadas ao dicionário Oxford de inglês, cuja nova edição foi publicada nesta semana.

A palavra "vuvuzela" - a corneta usada por torcedores de futebol especialmente durante a última Copa do Mundo - foi acrescentada ao dicionário.

No campo da economia, outro termo que entrou no dicionário é "toxic debt" ("dívida tóxica", em português), em referência a dívidas com alto risco de não serem pagas.

Também foi acrescentada a expressão "quantitative easing" ("flexibilização quantitativa", em português), a prática econômica de se introduzir dinheiro novo em uma economia através do Banco Central. A política foi adotada pelo governo britânico durante a crise econômica global.

A nova edição do dicionário, a terceira, traz alguns termos de mudanças climáticas, como "carbon capture" ("captura de carbono") - o processo de se retirar dióxido de carbono do ambiente - e "Geo-engeneering" ("geoengenharia") - a manipulação de processos na tentativa de combater o aquecimento global.

A internet também está no novo Oxford Dictionary of English, com os termos "social medias" ("mídias sociais") - sites e aplicativos usados para formação de redes sociais - e "microblogging" - a publicação de textos curtos em blogs e sites.

Outros termos acrescentados foram "staycation" - para pessoas que passam férias no próprio país - e "national treasure" ("tesouro nacional") - em referência a pessoas ou coisas consideradas símbolos nacionais.

Diferente do mais tradicional Oxford English Dictionary, o Oxford Dictionary of English costuma trazer termos mais recentes da lingual inglesa. A primeira edição foi publicada em 1998. A atual traz mais de 2 mil novas palavras.

A segunda edição, de 2005, incorporou a palavra "chav", gíria pejorativa usada na Grã-Bretanha para descrever "pessoas jovens de classe baixa caracterizadas por comportamento rude e que usam roupas de marca, autênticas ou imitações".BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.