Vítima de reality show processa TV

Uma professora abriu uma ação contra o reality show Scare Tactics e a emissora de TV a cabo Sci-Fi Channel, dando um possível sinal de que o gênero está indo longe demais. Kara Blanc foi convidada pela emissora para uma festa de celebridades em Hollywood. No caminho, a produção cuidou para que o carro que a levava "quebrasse" em uma estrada no deserto, onde dois amigos seus, avisados pelo programa, foram "atacados" por figurantes disfarçados de alienígenas. Ela foi filmada por câmeras especiais correndo de um E.T. no deserto.A professora não sabia da encenação e agora quer ser ressarcida. No processo, cita invasão de privacidade, agressão e detenção irregular. Alega que teve de passar por tratamento psicológico e quer que o programa nunca vá no ar. Em outros episódios já gravados, jovens em um acampamennto são assustados pelo Homem das Neves e uma família é perseguida por agentes do governo depois de supostamente invadiram uma área militar secretíssima.

Agencia Estado,

20 de fevereiro de 2003 | 18h35

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.