Vilarejo na Nova Zelândia está à venda com pub e 40 habitantes

Executivos estressados de centros urbanos que estão querendo fugir de tudo isso têm a chance de comprar seu próprio vilarejo na Nova Zelândia, uma cidadezinha completa com um pub e uma população de 40 habitantes.

REUTERS

25 de junho de 2010 | 10h57

Otira, um pequeno vilarejo na chuvosa costa oeste da Ilha do Sul da Nova Zelândia, está à venda por 1 milhão de dólares neozelandeses (715 mil dólares).

Os atuais donos Bill e Christine Hennah compraram o vilarejo decadente em 1998 depois de passarem no local e "sentirem pena dele", disse o jornal de Christchurch The Press na sexta-feira.

Eles pagaram 80 mil dólares neozelandeses (56 mil dólares) pelo hotel ou pub, escola, estação de trem, sede da prefeitura e 18 casas que constituíam a aldeia próxima ao parque nacional de Arthur's Pass e datado em 1923.

O vilarejo se desenvolveu quando o túnel ferroviário de Otira foi inaugurado e durante seu auge abrigou cerca de 600 trabalhadores e suas famílias.

Mas o casal, agora com 60 e poucos anos, diz que não tem mais energia para administrar o hotel. Eles estão pedindo 350 mil dólares neozelandeses pelo hotel ou 1 milhão pelo conjunto todo.

"Precisamos de alguém para construí-lo de novo. Existe muito potencial e oportunidade, disse Christine Hennah ao The Press.

Tudo o que sabemos sobre:
ODDNOVAZELANDIAVENDE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.