Vilanova Artigas ressurge em mostra, livro e DVD

Numa época em que os pastiches nouveaux-riches, com a maior cara-de-pau, reivindicam relevância histórica, nada melhor do que lembrar de um verdadeiro revolucionário: João Batista Vilanova Artigas (1915-1985). O arquiteto está de volta em dose cavalar: abre-se hoje, às 20 horas, no Instituto Tomie Ohtake, uma grande exposição sobre sua obra. Também haverá lançamentos de livro, documentário, palestras e cursos. A filha de Artigas, Rosa, uma das coordenadoras da exposição - o curador é Ruy Ohtake -, diz que não há de fato uma data especial nem uma efeméride qualquer que justifique os eventos. "Fizemos com o sentido único de examinar a obra dele, mas é claro que também pensamos em aproveitar o público da Bienal de Arquitetura", admite Rosa. Em quatro salas e no grande hall do instituto, o público poderá ver documentos, croquis, ampliações fotográficas inéditas (de autoria de Nelson Kon e Cristiano Mascaro) e de arquivo (FAU e Fundação Artigas), além de seis maquetes que ilustram alguns de seus projetos mais importantes - Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU-USP), Cecap, Casa Elza Berquó, Ginásio de Guarulhos - o Santapaula Iate Clube e o Estádio do Morumbi. Estarão expostos também desenhos artísticos e projetos originais. Completam ainda a exposição, um documentário inédito, realizado em parceria com a STV (Rede Senac de Televisão), e trabalhos de 32 arquitetos que revelam o amplo legado do mestre à arquitetura brasileira. "A arquitetura é uma arte, isso eu repito. No fundo, é o direito humano à beleza, coisa que a burguesia não concebe, mas é tão fácil de oferecer", afirmou Artigas em 1984. Na exposição, estará sendo lançado um novo livro (com um DVD) sobre Artigas, com fotos de projetos, desenhos e textos de Julio Katinsky, Rosa Artigas e Ruy Ohtake. O livro tem 264 páginas e custa R$ 80. Produzido pela Documenta, o DVD traz documentário inédito sobre o arquiteto, dirigido por Cacá Vivaldi. Traz depoimentos de personalidades, como Oscar Niemeyer, Fabio Penteado, Paulo Mendes da Rocha, Ruy Ohtake, entre outros. O documentário passará em rede nacional pela STV às 21 horas de hoje e terá reapresentações durante a semana. Vilanova Artigas. De terça a domingo, das 11 às 20 horas. Instituto Tomie Ohtake. Avenida Faria Lima, 201, tel.: 6844-1900. Até 2/11. Abertura hoje, às 20h, com lançamento de livro/DVD. Projeto, desenho e textos: Julio Katinsky, Rosa Artigas e Ruy Ohtake. Editora RO. 264 págs. R$ 80.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.