Video Music Awards escorregou na moda

O Video Music Awards, da MTV americana,que vai ser exibido hoje no Brasil, teve referências aosatentados terroristas de 11 de setembro em discursos, músicas eimagens, mas o look das estrelas mostrou que tudo está de voltaao que era. A lei do "menos é mais", que marcou as premiaçõesrealizadas depois da tragédia, valeu apenas para a pouquíssimaroupa apresentada por nomes como Christina Aguillera, BritneySpears e Pink.Na cerimônia realizada na semana passada no Radio City MusicHall, em Nova York, não houve economia de pele à mostra, o que,em geral, formou um festival de deslizes. Atenção para os errosde estilo: Britney Spears apareceu usando um top tipo corseletde couro (tendência da estação passada) que perdeu todo o apelopor conta de uma boina também de couro e de luvas 7/8 de renda.Em um desastre de proporções, ela usou uma microssaiaassimétrica que deixava uma das coxas à mostra e uma meiatrançada até o joelho. Acabou parecendo "achatada", mais baixado que realmente é.A concorrente dela, Christina Aguillera, foi ainda mais abusada:aceitou usar um top feito com um lenço de seda amarrado em"xis", que deixava a base dos seios à mostra, com ummicroshort jeans destruído. Os cabelos ganharam dreads eapliques pretos, mas também foram prejudicados por uma boina dealgodão branca, colocada sobre lenço, em um efeito "falta nocorpo e sobra na cabeça". Pink pode ter exagerado um pouco nasimitações de tatuagens tribais (ícone dos anos 90), mas mostrouautenticidade ao aparecer no palco com uma Levi´s superlow cut,acompanhada de t-shirt cortada e botina punk cheia de correntes.Um look muito mais verdadeiro e apropriado para uma garota de 20e poucos anos em um evento da MTV no ano de 2002.Kylie Minogue e Shakira conseguiram equilibrar a medida do que ésexy e contemporâneo, mas repetiram os looks de seus clipes. Aaustraliana apareceu com saia de proporção justa e barraesvoaçante e um top que privilegiava o decote ? tudo branco,como no clipe de I Can´t Get You Out of My Head. Acolombiana, por sua vez, voltou a usar a mesma calça justamarrom justíssima que chama atenção no vídeo de Whenever,Whatever. Os acertos ficaram por conta de Brittany Murphy, quevai aparecer ao lado de Eminem em 8 Mile, e que apostou emum look jeans total, justinho, jovem e "fresh", e Mary J.Blige, com uma saia e top de couro em tom caramelo, cheio deamarrações - sóbrio, mas moderno.E em uma época de obsessão pelo trabalho de produtoras de moda,é uma diversão à parte prestar atenção nos looks dos homens. OVMA 2002 tem um pouco de tudo: Justin Timberlake, apostando nopreto básico, mas derrapando com a inclusão de um chapéu medonho(mais influência de Michael Jackson?); James Brown levando oglamour funk às últimas conseqüências com um terno risca-de-gizpreto e vermelho, acompanhado de camisa e sapatos vermelhos; eDavid Lee Roth fantasiado com uma calça de lycra justíssima noquadril, mas com pata de elefante, acompanhada de jaqueta decouro preta aberta, lenço de seda colorido e óculos espelhadoazul. Ufa!O mais interessante vem do mundo do hip hop: Busta Rhymes comnada menos que dois anéis, duas pulseiras, um par de brincos, umcolar com medalhão gigantesco e um relógio ? todos cravejados dediamantes; e Eminem, em três modelos diferentes de trainingesportivos, sempre em tons da estação e com detalhes claramentesugeridos por alguma stylist.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.