VH-1 dá prêmios bem-humorados aos melhores do pop

O canal de TV por assinatura americano VH-1 começou a fazer pela música o que a MTV já faz pelo cinema: um prêmio bem-humorado. O My VH-1 Music Awards, que teve sua primeira cerimônia realizada ontem em Los Angeles, indica os melhores do pop em categorias como "briga pública mais divertida" (Eminem e "todo mundo") e "melhor rebolado" (Ricky Martin). O prêmio tem inspiração no MTV Movie Awards, que dá prêmios para o "melhor beijo" e "melhor briga".O grande vencedor da primeira edição do My VH-1 Music Awards foi o grupo Creed, que levou quatro das nove categorias para os quais estava indicado. Red Hot Chili Peppers, Metallica e Carlos Santana ficaram com dois prêmios cada. O prêmio é escolhido pelo público via internet: tanto os nomes das categorias quanto os vencedores delas. A votação ocorre até o último momento antes do início da cerimônia, transmitida ao vivo pela emissora. Foram mais de 5 milhões de votos, segundo os organizadores da festa.O Creed venceu nas categorias de "canção do ano" ("Higher), "bem-vindo ao sucesso", "grupo do ano" e "2 a 2", porque seu segundo álbum, "Human Clay", fez tanto sucesso quanto o primeiro, "My Own Prison". O Red Hot Chili Peppers, que toca em janeiro no Rock in Rio, levou os prêmios de "disco que tem de ter" e "forçando a barra", ambos pelo álbum "Californification". Carlos Santana foi homenageado como o "homem do ano" e recebeu também o prêmio "sua canção é de f , mas tocou demais", para "Smooth" sua parceria com Rob Thomas, do Matchbox 20.Vários dos premiados não estavam presentes, como Eminem, Ricky Martin e Faith Hill (que levou três prêmios: "mulher do ano", "vídeo mais sexxxy", por "Breathe", e o esquisito "você quer batatas fritas com este álbum?", por seu comercial para a Pepsi). Outros vencedores foram Sting ("lenda em ação"),Metallica ("melhor performance de palco" e "deuses do trovão"), Dave Matthews Band ("melhor show") e Bon Jovi ("melhor vídeo", por "It´s My Life").O evento teve shows do U2, do Bon Jovi, dos Red Hot Chili Peppers, do No Doubt, do Creed e de Christina Aguilera. O Metallica tocou do lado de fora do Shrine Auditorium para fãs que não tinham ingressos e deixou o público escolher a música que seria apresentada ("Fade to Black"), por meio de uma votação pelo web site do canal. A cerimônia foi descontraída e teve momentos bem engraçados, como o ator que recebeu por Ricky Martin o prêmio de melhor rebolado. O sujeito subiu ao palco com uma espécie de máscara em formato de bunda. A nota dissonante foi o anfitrião da festa, o ator John Leguizamo, que apostou em um humor bastante agressivo e não conseguiu muitos risos da platéia. Muito pelo contrário. Ninguém achou graça de frases como "Madonna é italiana, mas já teve muito latino dentro dela", que fez parte de um rap cantado por ele na abertura da cerimônia. O ator chegou a ser vaiado quando disse que os vencedores eram um segredo tão grande "quanto a sexualidade de Ricky Martin". Leguizamo disse para o público "crescer" depois que recebeu a vaia. A seguir, confira a lista completa de vencedores em cada categoria:Álbum que tem de ter: Red Hot Chili Peppers, "Californication"Sua canção é de f , mas tocou demais: Santana, "Smooth"Melhor canção: Creed, "Higher"Homem do ano: Carlos SantanaMulher do ano: Faith HillGrupo: CreedBriga pública mais divertida: Eminem e todo mundoMelhor show: Dave Matthews BandMelhor performance de palco: Metallica Bem-vindo ao sucesso: CreedSegredo mais bem guardado: The CorrsVídeo mais sexxxy: Faith Hill, "Breathe"Melhor vídeo: Bon Jovi, "It´s My Life"Forçando a barra: Red Hot Chili Peppers, "Californication"Melhor web site de fã: Dave Matthews BandMelhor rebolado: Ricky MartinDeuses do trovão: MetallicaLenda em ação: StingDando de volta: Limp Bizkit2 a 2: CreedVocê quer batatas fritas com este álbum?: comercial da Pepsi com Faith HillAmeaça dupla (músicos e atores): Will Smith, "Legend of Bagger Vance"

Agencia Estado,

01 de dezembro de 2000 | 16h32

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.