Ver TV pelo celular é o programa da vez

Imagine poder acompanhar a sua novela predileta pelo celular. Isso já é possível na Espanha e não está muito longe de acontecer por aqui também. A Telefônica começou a oferecer lá, há poucos dias, a primeira novela criada exclusivamente para ser transmitida por celular. Batizada de FanTesstic, a trama é fruto de um acordo firmado entre a Telefônica e a produtora holandesa Endemol, a mesma do Big Brother. Por aqui ainda não podemos ver Reynaldo Gianecchini pelo visor do celular, mas já há operadoras oferecendo imagens de TV pelo telefone. A Vivo, por exemplo, lançou em março um serviço em que o assinante pode acessar noticiários e programas de entretenimento da TV Terra. Uma das atrações é o Esportes Show, comando por Wanderley Nogueira. Também é possível ver pelo celular imagens do trânsito de São Paulo e baixar trailers de longas-metragens. O próximo passo da operadora é conseguir levar para o telefone conteúdo de emissoras de TV aberta. A tecnologia já está disponível, mas as negociações com as redes ainda estão atravancadas. A Globo, por exemplo, exige exclusividade da operadora que quiser transmitir seu conteúdo. A Tim promete disponibilizar em alguns dias um sistema que permite transmitir pelo celular programas de emissoras abertas e a cabo, veiculados em tempo real pela televisão. Essa tecnologia chama-se móbile TV. Algumas emissoras, como a MTV, já fecharam negociação para a transmissão de seu conteúdo via telefone para os usuários da operadora, mas ainda faltam alguns acertos para que o serviço entre em vigor. Vale lembrar que nada disso será de graça. O usuário pagará para acessar esses conteúdos da TV, ou por mensalidade, ou por minutos acessados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.