Vaticano lança contra-ataque ao livro ?Código Da Vinci?

O Vaticano decidiu contra-atacar as idéias popularizadas pelo best-seller O Código Da Vinci, afirma o jornal The Times, de Londres. Segundo o diário, o cardeal Tarcisio Bertone, arcebispo de Gênova e um dos candidatos à sucessão do papa, foi escolhido para refutar as "mentiras, distorções e erros" do livro do escritor americano Dan Brown. Uma das idéias centrais do livro é a tese de que Jesus Cristo se casou com Maria Madalena e teve um filho com ela."O cardeal disse que o livro lembra panfletos anticlericais destemperados do século 19. Ele vai tentar desbancar as teorias conspiratórias centrais da trama com uma série de debates públicos que começam em Gênova amanhã (quarta-feira)", afirma o Times.Integrantes do alto escalão da Igreja Católica se disseram preocupados com o fato de que muitos turistas em Roma carregam agora o Código Da Vinci como guia de turismo para compreender o cristianismo. Segundo o diário britânico, o cardeal Bertone tentará refutar a tese do livro de que a "Igreja foi dominada por homens e enterrou o seu lado feminino".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.