Reprodução
Reprodução

Valentino inaugura museu virtual com 300 de suas criações em 3D

Consagrado estilista italiano apresentou o aplicativo no MoMA, em Nova York

06 de dezembro de 2011 | 15h41

NOVA YORK (EFE) - O estilista italiano Valentino inaugurou na última segunda-feira, em Nova York, um museu virtual no qual são mostradas cerca de 300 de suas criações através de uma inovadora tecnologia interativa em três dimensões.

 

'Poderia inaugurar dez museus virtuais para mostrar todas as minhas criações', disse o estilista, sem muita modéstia, durante a apresentação, realizada no Museu de Arte Moderna de Nova York (MoMA) com as presenças dos atores Hugh Jackman e Anne Hathaway.

 

Desde esta segunda-feira, os visitantes de qualquer parte do mundo podem 'passear' por este museu interativo e contemplar meio século de trabalho do estilista, graças a cinco mil fotografias e ilustrações e quase 100 vídeos de seus desfiles.

 

Embora a maior parte do conteúdo esteja na rede, cada visitante deve baixar um aplicativo gratuito para 'poder criar sua própria rota através das galerias', destacaram os criadores do museu virtual.

 

Valentino, nascido em 1932 e que já vestiu de atrizes a rainhas, entrou no mundo da moda em 1950, quando ainda adolescente se mudou para Paris a fim de estudar, embora tenha se consagrado apenas em 1968 com sua 'Collezione Bianca' ('Coleção Branca').

 

O reconhecido estilista, que se aposentou em 2007, foi homenageado em setembro pelo Conselho da Costura do Instituto da Moda de Nova York em reconhecimento à arte de seus desenhos e à sua extensa trajetória profissional.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.