Divulgação
Divulgação

Um roteiro para aproveitar SP por uma semana

Estudantes em férias? Confira uma seleção de atrações grátis

FÁBIO ROSSINI, ESPECIAL PARA O ESTADO DE S. PAULO

01 de julho de 2014 | 11h45

Grande parte dos estudantes que estão de férias neste mês encontram dificuldades para sair de casa. Calma, já explico. Não é porque não existem lugares legais para ir. Temos milhares de opções. O problema é que estudantes quase nunca têm dinheiro sobrando no bolso.

A situação acima é parecida com a sua? Você não aguenta mais assistir aos mesmos programas na televisão, atualizar o Facebook e passar horas no videogame? 

Então trate de se levantar deste sofá. Coloque seu tênis de aventureiro e saia de casa, porque São Paulo conta com diversos roteiros para quem, assim como você, só tem dinheiro para o Bilhete Único e olhe lá. Confira:

Domingo 

Parque do Ibirapuera. Para começar tranquilamente o roteiro da sua semana de férias, visite o Parque do Ibirapuera. Frequentado por famílias, casais e ciclistas, o local pode ser uma opção tanto para praticar esportes quanto para apenas sentar na grama e relaxar vendo o lago. Se você gosta de observar animais, vai se divertir com a fauna, que conta com pássaros, patos e cisnes (cuidado, eles são bravos!).

Se a fome bater, não hesite em fazer um piquenique e comer por lá mesmo. Aproveite também para observar os cinco edifícios projetados por Oscar Niemeyer no parque. Desde o segundo semestre de 2013, o  local permanece aberto também de madrugada, contando com uma boa iluminação e policiamento para garantir a segurança dos visitantes. 

Segunda-feira

Beco do Batman. A semana acaba de começar. Levante-se cedo (ok, não tanto, afinal você está em férias) e pegue o metrô até a estação Clínicas, mais precisamente em direção ao Beco do Batman. Hoje é dia de ver arte urbana!

A tradição de estampar os muros dessa região com grafites começou na década de 1980, quando da noite para o dia alguém desenhou um Batman em uma das paredes. As pessoas que passaram pelo local acharam divertido e, a cada dia, aparecia um desenho novo.

Atualmente, as paredes das ruas são preservadas pela própria comunidade e seus desenhos são feitos por artistas renomados. O legal é que eles são constantemente renovados, então cada visita se transforma em uma nova experiência.

Terça-feira 

Parque da Independência. Considerado um ponto turístico imperdível para quem visita a capital, o Museu Paulista foi construído às margens do riacho do Ipiranga, onde d. Pedro I declarou a Independência do Brasil. Porém, em razão de ter sido edificado no século 19, o memorial está fechado para visitação por tempo indeterminado - para obras de restauro.

Segundo a São Paulo Transporte (SPTrans), seis linhas de ônibus podem levá-lo até o Parque da Independência. Não será possível ver os quadros do museu, mas você pode aproveitar o melhor do parque - que abriga também um jardim com o Altar da Pátria e a Casa do Grito. 

O local é bastante visitado por aqueles que fazem caminhadas e, aos fins de semana, é frequentado por ciclistas e skatistas. Em algumas datas do ano, o lugar também é palco de festivais e shows, podendo acomodar mais de 18 mil pessoas. 

Com muitas árvores e um ambiente agradável, o local é excelente para uma boa caminhada escutando aquele seu álbum preferido.

Quarta-feira

Galeria do Rock. O local é uma boa opção para passeio, mesmo se você não gosta do gênero musical. Ali há diversas lojas de roupas, discos, acessórios e bonecos.

Mesmo sem comprar nada, você pode aproveitar a atmosfera do local para receber sugestões de bandas e conhecer novas tribos. O lugar ainda conta com estúdios de tatuagem e piercing e as lojas do térreo e do subsolo são dedicadas à cultura de rua. 

Portanto, vista aquela sua camiseta velha do Nirvana e dê uma chance para a galeria.

Quinta-feira 

Pinacoteca. O museu mais antigo de São Paulo é grátis às quintas. Então, aproveite!

O local abriga um gigante acervo de arte brasileira e possui diversos tipos de exposição. Pinturas brasileiras e estrangeiras, esculturas, gravuras, fotografias... Opções não faltam.

Porém, esta será uma diferente visita ao museu. Sabe aquelas visitas de escola em que você passava olhando por três segundos por cada quadro e ficava mais preocupado em achar um lugar onde vendiam croissants? Esqueça. Agora você é uma pessoa culta e, em férias, tem tempo de sobra. 

Observe as pinceladas, os detalhes... Chegue o mais perto possível de cada quadro. Tente imaginar o que o pintor pensou na hora de criar. Pense, absorva conhecimento desta visita e não esqueça de tudo a partir do momento em que você sai do museu.

Chegue em casa e conte para alguém. 

Sexta-feira 

Avenida Paulista. Se você nunca visitou a Paulista, aproveite para fazer uma visita neste dia. Quando você entra na avenida e confere o tamanho dos prédios, o fluxo de pessoas andando e a diversidade, você se apaixona por São Paulo. É uma paisagem completamente criada pelo homem.

Na avenida, você pode visitar a livraria Cultura, o Centro Cultural da Fiesp e relaxar no Parque Trianon. Atualmente palco de grandes protestos, a Paulista é o coração da cidade e considerado seu principal cartão-postal.

A avenida é ótima para caminhar ou para lembrar por que conseguimos ao mesmo tempo odiar e amar tanto São Paulo.

Sábado

Estádios/Museu do Futebol. Neste dia, o futebol será o tema principal. A Copa do Mundo está acontecendo e você não conseguiu comprar ingressos para os jogos? Se você é um grande amante do esporte, que tal conhecer os mais famosos estádios da capital? 

Com algumas integrações entre metrô e ônibus, no mesmo dia é possível conhecer o Morumbi, o Canindé, dar uma olhada nas obras da nova arena do Palmeiras, ver a novíssima Arena Corinthians, o Pacaembu e até mesmo o tradicional campo do Juventus da Mooca.

Às quintas e sábados, o Museu do Futebol, que fica dentro do Pacaembu, tem entrada grátis. Aproveite para visitar a mostra "Brasil 20 Copas", que conta sobre a participação da seleção brasileira nos mundiais.

E assim acaba o nosso tour de graça por uma semana na cidade de São Paulo. Claro, são apenas recomendações, mas a cidade oferece diversos outros programas grátis.

A ideia deste roteiro é incentivar o estudante em férias a sair mais de casa e aproveitar com criatividade o melhor que a cidade pode oferecer. Fique ligado aqui no "É Grátis" para conhecer ótimas atividades na faixa. Combinado?

Informações:

Parque do Ibirapuera
Endereço: Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº (Portão 10) – Vila Mariana 
Horário de funcionamento: Diariamente das 5h às 0h

Beco do Batman
Endereço: Rua Gonçalo Afonso e Rua Medeiros de Albuquerque – Vila Madalena – São Paulo

Parque da Independência
Av. Nazareth, s/nº - Ipiranga 
Horário de funcionamento: Diariamente das 5h às 20h 

Galeria do Rock
Endereço: Av. São João, 439 - República
Horário de funcionamento: De segunda a sexta-feira, das 10h às 18h30. Aos sábados, das 10h às 18h

Pinacoteca de São Paulo
Endereço: Praça da Luz, 2 - Luz
Horário de funcionamento: de terça a domingo, das 10h às 17h30 (com permanência até as 18h); às quintas, a casa funciona até as 22h

Avenida Paulista
Livraria Cultura - Conjunto Nacional
Endereço: Av. Paulista, 2073 - Bela Vista
Horário de funcionamento: De segunda a sábado, das 9h às 22h. Domingos e feriados, das 12h às 20h

Centro Cultural Fiesp
Endereço: Av. Paulista, 1313 - Cerqueira César - São Paulo - SP 
Horário de funcionamento: De quarta a sábado, das 13h às 21h. Domingo, das 11h às 19h30

Parque Trianon
Endereço: R. Peixoto Gomide, 949 (Altura do nº 1700 da Av. Paulista)
Horário de funcionamento: Diariamente das 6h às 18h

Museu do Futebol
Endereço: Praça Charles Miller, s/n – Pacaembu
Horário de funcionamento: Até 13/07: de terça a domingo das 9h às 21h (com permanência até as 22h)
Após 13/07: de terça a domingo das 9h às 17h (com permanência até as 18h)

Tudo o que sabemos sobre:
É Grátis, Férias, São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.