TV paga presta homenagem a Ingrid Bergman

E chega a vez de Ingrid Bergman na Noite Nostalgia do Eurochannel. O canal europeu da TVA e DirecTV, o Eurochannel, exibe, a partir das 22 horas, um programa duplo dedicado à sueca que virou estrela em Hollywood e mandou tudo para o alto para viver uma polêmica história de amor com o diretor italiano Roberto Rossellini. A união dos dois produziu, além de clássicos do cinema, a filha Isabella Rossellini, que também virou mito, como modelo e atriz.Intermezzo foi o primeiro filme que Ingrid fez nos EUA, em 1939. Dirigido pelo emigrado russo Gregory Ratoff, conta a história de violinista que se apaixona pela professora de piano dos filhos. Ele se divorcia para ficar com ela, que vira uma pianista famosa, enquanto o herói sofre com a ausência dos filhos. O melodrama vem embalado em ótima música e não é descabido supor que o filme de Ratoff serviu de inspiração para Appassionata, feito no auge da Vera Cruz, com Tônia Carrero também no papel de uma pianista.Europa 51, a seguir, retoma o tema do suicídio infantil de Alemanha, Ano Zero, do próprio Rossellini. Ingrid faz Irene, a mãe que busca motivos para seguir vivendo após o suicídio do filho, ainda uma criança. Ingrid Bergman ganhou três Oscars - dois de melhor atriz, por À Meia-Luz e Anastásia, a Princesa Esquecida; e o terceiro de melhor coadjuvante, por Assassinato no Orient-Express. A parceria mais famosa foi com Rossellini, no período em que foram casados, mas Ingrid também fez alguns filmes com Alfred Hitchcock.

Agencia Estado,

29 de abril de 2004 | 16h54

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.