TV agora paga em áreas ocupadas no Rio tem baixa inadimplência

A Globo não só não terá custo extra com mais um show de Roberto Carlos - o espetáculo de Jerusalém será reapresentado como especial de fim de ano -, como vai faturar duplamente sobre a cena. Já chegou às agências publicitárias plano comercial que propõe quatro cotas nacionais de patrocínio, a R$ 1.230 milhão cada, para a reprise.

O Estado de S.Paulo

21 de novembro de 2011 | 03h06

Em janeiro, Marcelo Serrado há de se dividir entre o Crô, de Fina Estampa, e Raul, de Mandrake, série da HBO que ganha dois episódios especiais em 2012.

Enquanto a Globo dorme com os direitos de Dois Irmãos debaixo do braço, o escritor e colunista do Estado Milton Hatoum participa hoje, em Manaus, de mesa com Marcelo Gomes e Guilherme Coelho, que vão adaptar duas outras obras suas para o cinema - respectivamente, Relato de Um Certo Oriente e Órfãos do Eldorado.

Um retrato das Nossas Senhoras da América Latina, ou o alvo de devoção de cada país, será exibido em série de 5 episódios pelo canal GNT em 2012. Marias é derivado do filme homônimo de Joana Mariane, da produtora Primo, e é para outubro, mês de Aparecida.

Com inesgotável estoque de lágrimas, aí está o primeiro encontro entre as irmãs Fernanda Vasconcellos/Ana e Marjorie Estiano/Manuela após o fim do coma da primeira em A Vida da Gente. É cena prevista para esta quarta-feira na novela das 6 da Globo.

O que era pirata tornou-se um serviço pago com inadimplência abaixo de 5%. Esse é o retorno que a Via Embratel tem de seus novos clientes, no Rio, desde julho, contando Complexo do Alemão, Penha e Vila Cruzeiro. Nascida há quase três anos, a Via Embratel é hoje a 3ª maior operadora do País, com 16% do mercado. Seu diretor executivo, Antonio João Filho, conta-nos que em uma esquina do Alemão, onde antes funcionava uma boca de fumo, vende-se hoje televisão. Na Rocinha, onde o desligamento dos pontos ilegais de TV paga deixou a maioria das pessoas até sem sinal de TV aberta - a topografia conspira contra - a Via Embratel já espalhou seus quiosques e expandiu o Via Paz, pacote lançado em parceria com o governo do Rio no Alemão, Penha, Vila Cruzeiro e agora também Vidigal e Chácara do Céu, ao custo mínimo de R$ 29,90, mais R$ 50 de instalação. As programadoras internacionais e nacionais participam da ação, abrindo mão de parte das cifras que lhe caberiam, mas, a cada aniversário do Via Paz, esse custo subirá R$ 5, mais IGP-M, até chegar ao que se paga no Leblon e em Ipanema.

Antonio João relata que o DTH (anteninha pizza) é a tecnologia perfeita para a região - daí ser a mais pirateada até a ocupação - o que explica a presença também da Sky, a 2ª maior operadora do País, na mesma área. Pioneiro em comunicades pacificadas, o pacote Sky UPP (R$ 44,90) foi inaugurado em Cidade de Deus, ainda em 2010.

A Net, maior operadora do País, só leva a fama da denominação "Gatonet", mas informa que não opera no local. A Telefonica, 4ª no ranking, também não.

Renascer

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.