Trofeu Imprensa vai para...Silvio Santos

Ele é um piadista de primeira linha. Aos 70 anos e com mais de 40 de profissão, Silvio Santos ainda se dá ao trabalho de "esquentar" com suas piadas, algumas apimentadas, o auditório antes do início de uma gravação. Usando sempre o animador de platéia Roque como protagonista de suas histórias engraçadas, o apresentador passou cerca de 20 minutos entretendo suas "colegas de trabalho", aproveitando o atraso nas gravações da eleição do Troféu Imprensa, quarta-feira passada. A atração, que vai ao ar amanhã, às 20h30, demorou a começar porque a jurada Sonia Abrão ficou presa num engarrafamento. Em pé na platéia, o dono do Baú perguntou se as moças sentadas nas primeiras filas eram modelos contratadas. Elas responderam que sim. E ele gritou: "Roque! Só em dia de festa que você coloca essas moças bonitas na frente, não é?". Ao sair da platéia para o palco, Silvio tropeçou e quase levou um tombo. Mas deu um daqueles "hahai" que lhe são peculiares e não perdeu o estilo que o consagrou. "Queria fazer com vocês uma sessão de alongamento. Alonguem o braço direito, agora o esquerdo, cruzem os dois braços sobre o peito, bem apertado: é o meu abraço a todos vocês". Tudo preparado, o apresentador agradece a suas fãs. "Se vocês não vissem o SBT, não dessem a audiência toda que o SBT tem, essa casa não poderia recebê-las."Hebe chorou - Palco enceradíssimo e lá ia Silvio quase caindo de novo. Já na bancada, observando o cenário, ele comentou: "Se a gente fizer uma festa dessas por mês, o SBT vai à falência. Mas que está bonito, está." Chamados os 11 jurados para o que Lombardi definiu como o "Oscar da TV brasileira", começou a eleição. Aquela história da dificuldade em ler que Silvio Santos demonstra em seus programas não é charme. Ele mal conseguia ver os resultados parciais que o animador de platéia Liminha escrevia numa enorme cartolina. Forçando a vista, pedia, discretamente, a Liminha para chegar cada vez mais perto.Embora a emissora tivesse mandado uma lista de 16 nomes, a Rede Globo só liberou o casseta Hubert e o novelista Silvio de Abreu. Mas a emissora carioca emplacou o troféu de melhor novela (Laços de Família), melhor ator, Tony Ramos, e melhor atriz, Carolina Dieckmann, além de Giovana Antonelli, que ganhou como revelação.O Show do Milhão, comandado por Silvio no SBT, foi um dos vencedores da noite - levou o Trofeú Imprensa como melhor programa de 2000. Hebe Camargo entrou no palco logo depois de o júri ter escolhido Adriane Galisteu como melhor apresentadora. Ao receber oito estatuetas, a loira chorou. Gugu também apareceu para receber dois troféus, um deles como melhor apresentador/animador, e embarcou na hora da saudade. "Vasculhando umas gavetas e como hoje (domingo) é primeiro de abril, trouxe minha carteira de trabalho. Ela foi assinada no dia primeiro de abril de 1974, como auxiliar de escritório. Foi assim que comecei a trabalhar com o Silvio." Folheando o documento, Silvio não perdeu tempo: "No ano anterior, você ganhava 156 cruzeiros e veio para cá recebendo três vezes mais. E ainda perguntam se a Globo vai levá-lo...". No fim da gravação, Silvio Santos sorteou três computadores entre os 67.600 votantes do Troféu Imprensa pela Internet. Mas não foi só um agradinho aos internautas, não. Comenta-se nos bastidores do SBT que o dono da emissora tem planos, a curtíssimo prazo, de investir na área de informática. Bill Gates que se cuide.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.